Professoras levam projetos alternativos educacionais econômicos às prefeituras

Professoras levam projetos alternativos educacionais econômicos às prefeituras

ERON Portal, Lages/SC – Em visita aos municípios de São José do Cerrito e Capão Alto, Mirian Palma, que é formada e pós-graduada pela UFSC, está divulgava seus projetos sociais, na área de informática e artes plásticas.

Em Artes Plásticas, Mirian estudou com mestres da pintura: Martinho De Haro, Moacir Ramos, Agnelo Antunes, Tereza Martorano e Jonas Malinverni por mais de 30 anos.

Em Informática, estudou com a Doutora Joelma Kremer e com a mestra Luciene Bitencourt de Oliveira, entre outros. É formada e pós-graduada em administração há mais de 20 anos. Contatos: Email mirianpalma66@gmail.com

Mailza M. Rosa Goulart

A área da educação tem tirado o sono dos novos administradores municipais na região da AMURES. Diante da crise atual das prefeituras, queda crescente da receita, altos custos da estrutura da rede municipal de educação e a necessidade de adequar o quadro funcional, os prefeitos precisam ser criativos para cumprir, principalmente, o que determina a lei em relação a convênios e para se enquadrar em fundos como FUNDEB (Fundo Nacional de Educação do Brasil). O desafio é encontrar alternativas econômicas e possíveis, viáveis para enfrentar as exigências das outras esferas governamentais.

A professora Mestre Mailza M. R. Goulart tem 40 anos de experiência no Magistério. Já atuou em todos os níveis de ensino, desde educação infantil, ensino fundamental, médio e superior e nas modalidades de educação de jovens e adultos, educação especial, educação a distância e educação do campo.

Sua dissertação no mestrado {UNIPLAC} leva o título Educação do Campo – a Pedagogia da Alternância na Casa Familiar Rural de São José do Cerrito/SC.

Também atuou por mais de 20 na 7ª UCRE, CRE, SLE, 7ª SERE, atualmente GERED.  Nesse período manteve contatos com todas as autoridades de educação da região.

Com esta vasta experiência, a professora atualmente vem fazendo visitas aos novos gestores de educação municipal e apresentando projetos de capacitação para professores, de acordo com o FUNDEB. O primeiro curso tem como objetivo oportunizar estudo e participação nas oficinas de produção de textos, já no novo acordo ortográfico, contação de história em língua Portuguesa Brasileira e língua Estrangeira Moderna (Inglês) para educação infantil e ensino fundamental. Bem como produção de textos nas várias formas linguísticas.

A professora e sua equipe darão prosseguimento às visitas a todas as prefeituras da AMURES. As primeiras visitas foram as de São José do Cerrito e Capão Alto. A boa receptividade foi porque são soluções que geram economia porque racionalizam e reduzem custos. Contatos: prof.mailza.@uniplaclages.edu.br

 

Com o prefeito Tito, de Capão Alto.
Com o prefeito Tito, de Capão Alto.
Com suas obras
Com suas obras