Pontos críticos e tragédias anunciadas

Pontos críticos e tragédias anunciadas

ERON Portal, Lages/SC – Alguns pontos da cidade escondem um perigo que ninguém imagina. O cruzamento da Av. Presidente Vargas com a Carahá, é um deles. Mais da metade dos ônibus do transporte coletivo que vêm do Coral viram à direita pela Carahá.

Se ocorrer um defeito ou qualquer outro imprevisto num ônibus lotado, mesmo a zero KM por hora, vai cair de bico no rio. Aí as pessoas se tornarão sardinhas enlatadas.

Na saída do Terminal, filas de ônibus também viram à direita na Carahá. O mesmo perigo da Avenida Presidente Vargas ocorre ali. Esses pontos exigem mais proteção para pelo menos reduzir o rico, só o que existe hoje não é suficiente.  São tragédias anunciadas.

Em Curitiba, um ônibus caiu de ponta num barranco de um metro e meio de altura e morreram mais de 35 pessoas. Todos acham que só a baixa velocidade é suficiente para evitar acidentes. Mas, em certos casos, independe da velocidade e da atenção.

É bem provável que o experiente Diretor de Trânsito, Jacinto Bet, já deve estar fazendo estudos para melhorias em nosso trânsito. Eu lembro que na administração Renatinho ele esteve em Maringá/Pr, conhecendo os projetos revolucionários de lá. O Bet foi quem descobriu em Maringá as nossas academias ao ar livre da terceira idade.


Neste ponto da Av. Presidente Vargas com a Carahá, até uma viatura da PM já caiu.
Neste ponto da Av. Presidente Vargas com a Carahá, até uma viatura da PM já caiu.

 

Após a saída do terminal, próximo ao Moinho Letti, também é um ponto de risco, igual ao da Presidente Vargas com a Carahá.
Após a saída do terminal, próximo ao Moinho Letti, também é um ponto de risco, igual ao da Presidente Vargas com a Carahá.