Coluna Eron J. Silva 01/03/18

Coluna Eron J. Silva 01/03/18

prefeitos

 

Agronegócio: alavanca em vacas magras

Ainda bem que Lages passou a ser estratégica na produção de grãos. Isso irá salvar a Prefeitura nas vacas magras do ano que vem. E aí há que se destacar a visão do Secretário Municipal da Agricultura, Osvaldo Uncini. Sempre acreditou no potencial de nossa Agricultura. Essa dupla aí da foto está salvando a situação. Bem que diz o Placo: a Agricultura vai salvar a todos. A produção de grãos nos mais de 30 mil hectares da Coxilha Rica é que vão incrementar nosso movimento econômico a partir de agora. É que o Município não terá mais os convênios do Governo do Estado. Não foi aprovado quase nada em reformas federais. E haverá uma transição em Brasília. Tempos mais difíceis ainda virão por aí. O novo presidente, quem quer que ele seja, terá de fazer coisas que remexerão em cadáveres e que atormentarão ainda mais eventuais presos da Lava Jato.

Foto 2

Maiores responsáveis pela representação

Em pouco mais de um ano dos mandatos atuais, já começam os movimentos com vistas às próximas eleições municipais. Prefeitos já articulam formas de viabilizar nomes afinados com o projeto atual. No Cerrito é um exemplo. Até adversários na última eleição poderão estar juntos em 2020. Só que ainda nem descobriram que este ano devem lutar pelo fortalecimento da representação política. A vida deles não será nada fácil no ano que vem. Não tenham dúvida! Mas como esperar luz no fim do túnel com tanta pobreza de novas lideranças? Os prefeitos de maior credibilidade e competência já estão dobrando o Cabo da Boa Esperança. E os novos você nem sabe quem são eles. Enterram a cabeça na macega tipo avestruz e não assumem nada! Se não mudarem, a maioria vai ser de um só mandato. Mas ainda está em tempo. Precisam agir politicamente e ouvir um pouco mais.

Foto 3

Vereador devolve mais um celular

Você pode estar curioso do porquê de a gente freqüentemente destacar os mesmos vereadores. Primeiro, é porque eles nos dão atenção, enquanto que a Mesa se coloca acima dos mortais. Segundo, porque eles fazem por merecer. Veja o que fez o vereador Bruno Hartmann. Devolveu a segunda linha de celular à Mesa Diretora como forma de ajudar a economizar e devolver dinheiro ao Executivo. Seus Assessore, por exemplo, usam o celular particular. O Whats não custa anda. É um bom exemplo de austeridade.

784 (Copy)