Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
DECEPCIONADO, LADRÃO DEVOLVE FERRAMENTAS QUE LEVOU – Temia ter de usar o produto do furto: eram duas caixas, a mais pesada continha ferramentas e a outra ossos.

DECEPCIONADO, LADRÃO DEVOLVE FERRAMENTAS QUE LEVOU – Temia ter de usar o produto do furto: eram duas caixas, a mais pesada continha ferramentas e a outra ossos.

VÊ SE O LARÁPIO IRIA CORRER O RISCO DE TER DE USAR O PRODUTO DO FURTO. TEMIA TER DE PEGAR
AS BEM HUMORADAS DO PORTAL: BANDIDOS ZOMBAM DOS CORRUPTOS – Dizem que não é só político que rouba: Ladrão também.

AS BEM HUMORADAS DO PORTAL: BANDIDOS ZOMBAM DOS CORRUPTOS – Dizem que não é só político que rouba: Ladrão também.

  NÃO RECLAMAM DE FAZER HORA EXTRA PARA ROUBAR, JÁ É PROFISSÃO: JÁ DÁ SALÁRIO NA CADEIA. O Brasil deve ser o
CAUSOS DO ERON PORTAL – Prefeito demite secretário que esqueceu do “carção” para ele inaugurar banheiro carrapaticida. (Esse banheiro destina-se ao banho de boi).

CAUSOS DO ERON PORTAL – Prefeito demite secretário que esqueceu do “carção” para ele inaugurar banheiro carrapaticida. (Esse banheiro destina-se ao banho de boi).

DUAS HISTÓRIAS DE FAZER VOCÊ DAR GAITADAS DE RISO. INCRÍVEIS QUE ATÉ PARECEM MENTIRAS   As trapalhadas de prefeitos e vereadores Secretário é
COLÉGIO EMBLEMÁTICO DE LAGES FAZ ANIVERSÁRIO – Sessão solene destaca os 55 anos do Colégio Industrial de Lages/SC.

COLÉGIO EMBLEMÁTICO DE LAGES FAZ ANIVERSÁRIO – Sessão solene destaca os 55 anos do Colégio Industrial de Lages/SC.

VEREADOR OSNI FREITAS BUGRE FOI UM DOS AUTORES DA PROPOSTA. A Câmara de vereadores de Lages realizou sessão solene realizada dia
EDITORIAL – OPOSIÇÃO E INTELECTUAIS PARECEM RESISTIR EM ACEITAR A ALTERNÂNCIA – Viúvas socialistas, esquerda e interesses diversos demonstram não aceitar a realidade.

EDITORIAL – OPOSIÇÃO E INTELECTUAIS PARECEM RESISTIR EM ACEITAR A ALTERNÂNCIA – Viúvas socialistas, esquerda e interesses diversos demonstram não aceitar a realidade.

DEVEMOS ENTENDER QUE A ESSÊNCIA DA DEMOCRACIA É A ALTERNÂNCIA E QUE AGORA É A VEZ DE UM OUTRO LADO.
MARKETING PESSOAL – SÓ PARTIDOS E DINHEIRO NÃO DÃO MANDATOS OU SUCESSO – Faça você mesmo seu marketing pessoal e use adequadamente a mídia eletrônica.

MARKETING PESSOAL – SÓ PARTIDOS E DINHEIRO NÃO DÃO MANDATOS OU SUCESSO – Faça você mesmo seu marketing pessoal e use adequadamente a mídia eletrônica.

VEJA AGORA O PROJETO DE MARKETING PESSOAL QUE ESTAMOS DISPONIBILIZANDO. Mídia eletrônica e marketing pessoal estão em alta. E os partidos
ESPAÇO DA ATUAÇÃO PARLAMENTAR-LAGES/SC – A página do vereador Jean Pierre: um que está fazendo escola.

ESPAÇO DA ATUAÇÃO PARLAMENTAR-LAGES/SC – A página do vereador Jean Pierre: um que está fazendo escola.

CIDADÃ ILUSTRE VIRA NOME DE RUA POR INDICAÇÃO DO VEREADOR JEAN PIERRE. VEJA O PROJETO DE LEI QUE DENOMINA RUA LACINIA
ESPAÇO DA ATUAÇÃO PARLAMENTAR – A página do vereador Amarildo Farias do PT de Lages/SC.

ESPAÇO DA ATUAÇÃO PARLAMENTAR – A página do vereador Amarildo Farias do PT de Lages/SC.

AÇÕES DO VEREADOR EM PLANTÁRIO. O VEREADOR, Amarildo Farias (PT), com amparo nos artigos 33, XII e 94, XIX da Lei Orgânica Municipal,

DECEPCIONADO, LADRÃO DEVOLVE FERRAMENTAS QUE LEVOU – Temia ter de usar o produto do furto: eram duas caixas, a mais pesada continha ferramentas e a outra ossos.


materia (Copy)
Esta postagem foi publicada em 20 de março de 2019 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

VÊ SE O LARÁPIO IRIA CORRER O RISCO DE TER DE USAR O PRODUTO DO FURTO. TEMIA TER DE PEGAR NO PESADO.

Desiste de levar a caixa mais pesada que pensava ter metais nobres mas eram ferramentas do pedreiro.

Após arrombar o depósito do cemitério e depois o de um pedreiros, ladrões desistem da muamba porque não eram metais nobres, eram ferramentas de pedreiro. Imaginavam conter metais mais valiosos como pregos, placas de prata o até folhadas a ouro.

A explicação encontrada por investigadores para essa desistência foi que talvez temessem que a esposa eo filhos sugerissem que ao invés de furtar e roubar fossem trabalhar no pesado, com menos risco de levar chumbo nas pernas…

O primeiro caso foi no cemitério Cruz das Almas, em Lages, Serra Catarinense. O secretário de Serviços públicos, certa vez, chegou ao depósito do cemitério e o encontrou arrombado. Curiosamente não falava nada. É que eram ferramentas rudimentares, como pás, enxadas, picaretas e colher de pedreiro. Não eram metais nobres, tampouco cimento ou fios de cobre.

CASO MAIS RECENTE

Cidadão nos contou que deixava suas ferramentas trancadas a sete chaves na casinha da construção. Um ladrão cerrou o cadeado e levou uma caixa pesando uns 50 KG, pensando que eram pregos ou outros metais mais valiosos. No peso, o prego e fio de cobre tem venda certa no mercado sujo da receptação.

Só que ao serrar novo cadeado [agora o da caixa] percebeu que eram ferramentas simples. Levou-as de volta e ainda deixou um bilhete abusado: – Vê se trabalha mais, mano, pra me deixar algo que me renda algum dinheiro!

Agora, pensando bem, vê se alguém viciado em roubar e furtar vai querer ferramentas! Trabalhar por quê? Furtar só precisa de hora extra, à noite?!

Mas, outro furto bizarro foi num outro cemitério, agora no interior. Ladrão arrombou o depósito e ao invés de metais, havia nas caixas ossos que iriam para o ossário no dia seguinte. Pior foi que numa delas havia se abrigado um enxame de abelhas africanas.

Crivado de ferroadas, para não perder a viagem, levou um carrinho com uma saca de cimento e várias placas amarelas de “aqui jaz”. Pensava que eram de ouro. Nem tocou nas ferramentas! Imagina!?… Trabalhar? Nem pensar!…

Só que o ladrão não contava com um detalhe: o guarda o seguira. Foi apanhado com os comparsas verificando se o metal das placas era ouro. Colocavam um líquido que só fazia espuma. Eram de bronze as placas. Pense nuns ladrões desastrados!…

 


286 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-