Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
ACELERADAS OBRAS DO MERCADO PÚBLICO DE LAGES/SC – Espaço deve começar a funcionar em agosto.

ACELERADAS OBRAS DO MERCADO PÚBLICO DE LAGES/SC – Espaço deve começar a funcionar em agosto.

É MAIS UM ELEMENTO ARQUITETÔNICO HISTÓRICO A AGREGAR VALOR AO TURISMO DA SERRA. SERÁ UMA ESPÉCIE DE SHOPPING TÍPICO. Após a
OS CAUSOS DO ERON PORTAL – O Meteorologista e o Burro; o Engenheiro e o burro – HISTÓRIAS TÃO INCRÍVEIS QUE ATÉ PARECEM MENTIRAS.

OS CAUSOS DO ERON PORTAL – O Meteorologista e o Burro; o Engenheiro e o burro – HISTÓRIAS TÃO INCRÍVEIS QUE ATÉ PARECEM MENTIRAS.

HISTÓRIAS QUE FARÃO VOCÊ DAR GAITADAS DE TANTO RIR: O METEOROLOGISTA E O BOI E DE BOTAS, O BOI DE
EL`DIVINO HAMBURGUERIA – Está chegando o fim de semana, a sugestão é conviver lá com a família e os amigos.

EL`DIVINO HAMBURGUERIA – Está chegando o fim de semana, a sugestão é conviver lá com a família e os amigos.

HÁ CADA MÊS HÁ UMA NOVIDADE PARA A GALERA CURTIR A FOLGA DA SEMANA. ............ Que tal saborear um Xisão que vale
DEFINIDOS PONTOS CHAVES DA REFORMARA DA PREVIDÊNCIA – Aqui, nossas reflexões sobre a reforma que está indo ao Congresso.

DEFINIDOS PONTOS CHAVES DA REFORMARA DA PREVIDÊNCIA – Aqui, nossas reflexões sobre a reforma que está indo ao Congresso.

SAIBA QUAIS AS NOVAS IDADES MÍNIMAS E QUANDO CHEGA AO LEGISLATIVO O TEXTO DESSA REFORMA. Ministro Paulo Guedes convenceu o presidente Em
ÚLTIMOS GOVERNOS QUASE QUEBRARAM O BRASIL E ESTABELECERAM A DESORDEM – País virou uma fábrica de tragédias, mais por descumprimento de normas que por catástrofes ou acidentes.

ÚLTIMOS GOVERNOS QUASE QUEBRARAM O BRASIL E ESTABELECERAM A DESORDEM – País virou uma fábrica de tragédias, mais por descumprimento de normas que por catástrofes ou acidentes.

VEJA QUE EM TODAS AS ÚLTIMAS TRAGÉDIAS LÁ ESTAVA A FALTA DE CUMPRIMENTO DA LEI E A DE  FISCALIZAÇÃO. Opinião do
MAIS UM PASSO NA PREPARAÇÃO DO MAIOR EVENTO NACIONAL DA FRUTICULTURA – DIVULGADO O PRÉ-FLYER DA XXI FESTA NACIONAL DA MAÇÃ.

MAIS UM PASSO NA PREPARAÇÃO DO MAIOR EVENTO NACIONAL DA FRUTICULTURA – DIVULGADO O PRÉ-FLYER DA XXI FESTA NACIONAL DA MAÇÃ.

EVENTO SERÁ EM SÃO JOAQUIM/SC, DE 2 A 5 DE MAIO E COM INOVAÇÕES E RESGATE DE SUA HISTÓRIA. Após o
A MÍSTICA DO NOME DAS CIDADES COMO FATOR ECONÔMICO – Produtos turísticos e serviços da Indústria da Criatividade serão vanguarda para o sonho de consumo do visitante.

A MÍSTICA DO NOME DAS CIDADES COMO FATOR ECONÔMICO – Produtos turísticos e serviços da Indústria da Criatividade serão vanguarda para o sonho de consumo do visitante.

LUGARES PRECISARÃO DE ATRATIVOS, A COMEÇAR PELO NOME PARA ENCANTAR E ATRAIR PESSOAS. Bem logo as pessoas empregadas trabalharão menos tempo,
ÍNDIO NÃO PEDE AJUDA NEM ESMOLA, PRODUZ ARTESANATO – Lages/SC é ponto estratégico dos índios das reservas do Sul do Brasil.

ÍNDIO NÃO PEDE AJUDA NEM ESMOLA, PRODUZ ARTESANATO – Lages/SC é ponto estratégico dos índios das reservas do Sul do Brasil.

ELES PRODUZEM ARTESANATO, ESPECIALMENTE DE TAQUARA E CIPÓ E DE LAGES VENDEM EM TODA A SERRA. O acampamento preferido deles é

GASTOS ANUAIS COM DEPUTADOS – Entidade estadual emite pesado manisfesto


foto 5
Esta postagem foi publicada em 27 de julho de 2018 Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

CONSELHO PUBLICA ESTUDO E FACISC DESCOBRE QUE ALESC É A TERCEIRA EM GASTOS COM DEPUTADOS

Veja o manifesto da FACISC, assinado pelo seu presidente, Jonny Zulauf, baseado no estudo do CRC revelando os gastos anuais da nossa Assembleia Legislativa com os deputados:

“De acordo com estudo publicado pelo CRC-SC (Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina), no último dia 19/07/2018, a ALESC (Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina), ocupa a terceira posição no que se refere aos gastos anuais com deputados, somando R$ 15,9 milhões por parlamentar. Um ranking vergonhoso para Santa Catarina!

No compilado geral, em 2017 as Assembleias Legislativas Estaduais tiveram uma despesa total de R$ 11,2 bilhões, com 1.059 deputados nas 27 unidades da federação. O gasto médio por deputado estadual foi de R$ 10,6 milhões. Um número que não é muito diferente no Congresso Nacional, onde os gastos totais devem ser da ordem de R$ 12 bilhões em 2018.

Altos salários, um número de assessores absurdamente alto, verbas assessórias da mesma forma absurdas, auxílio moradia, despesas médicas liberadas, carros oficiais, cotão, aposentadorias indevidas….e tantos outros itens que compõe um custo insustentável para sociedade catarinense e para todos os brasileiros.  Uma conta a ser paga por todos nós e pelas próximas gerações.

Nesse contexto a segurança, saúde, educação e infraestrutura, áreas que deveriam ser o foco da gestão pública, ficam prejudicadas para viabilizar uma economia saudável, sólida e propícia AOS EMPREENDEDORES, que efetivamente, são os responsáveis pela geração dos recursos que sustentam essa enorme máquina pública, ineficiente, corrupta e incompetente.
Então, é fácil imaginar o quanto poderia ser investido nessas áreas, somente com uma redução drástica e imediata do orçamento da ALESC!

NÃO PODEMOS E NÃO DEVEMOS NOS CALAR!

Devemos reagir, exigindo uma ampla reforma estrutural na gestão pública, onde a principal missão no momento é o voto responsável e a renovação nas eleições de 2018.

Não podemos esperar resultados diferentes se continuarmos agindo da mesma forma, se tivermos os mesmos representantes, se não tivermos coragem de mudar, atitude para cobrar, e firmeza nas nossas convicções de que um país melhor só será construído por cada um de nós!”

Jonny Zulauf
Presidente da FACISC

FOTO: Arquivo/Agência AL

 


70 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-