Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

O PARLAMENTAR ENTENDE QUE A POPULAÇÃO DE TODO O ESTADO NÃO PODE CONTINUAR PAGANDO POR UMA OBRA INÚTIL E QUE
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

ESTÁ EM ANDAMENTO A CPI DA PONTE HERCÍLIO LUZ, QUE  INVESTIGA SUSPEITA DE MAU USO DO DINHEIRO PÚBLICO EM CONTRATOS
NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

QUE TAL COMEÇAR A SE PENSAR EM MUDAR A CAPITAL PARA O CENTRO DO ESTADO? Nem foi concluída a reforma da
PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

COMEÇAM AUDIÊNCIAS PÚBLICAS E VOTAÇÕES SÃO PREVISTAS PARA 5 DE SETEMBRO E 10 DE OUTUBRO. Já é certa a edição na Casa
SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SÃO MODERNOS RECURSOS PARA VOCÊ MANTER SUA PELE SEMPRE JOVEM,  SAUDÁVEL, BEM ACESSÍVEIS E SUSTENTÁVEIS. Os produtos Forever são concebidos a
DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

A ideia da mudança da estrutura administrativa da capital para o interior chegou até a constar das disposições transitórias  da
QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

CLARO QUE VAMOS PRESERVARA A AMAZÔNIA E QUE PRECISAMOS DE RECURSOS, MAS, NOSSA DIGNIDADE E SOBERANIA NÃO TEM PREÇO. Isso é
ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

Tem inicio hoje a série “ESPAÇO MUNICIPAL”. Objetivo é mostrar as potencialidades e os fatos marcantes dos municípios de nossa

DÍVIDA PÚBLICA E CANDIDATURA INDEPENDENTE – Os dois itens prioritários da agenda nacional


casa
Esta postagem foi publicada em 30 de julho de 2018 Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

LOGO SERÁ IMPOSSÍVEL ADMINISTRAR O BRASIL COM UMA DÍVIDA QUE CRESCE ANUALMENTE, E COM UM CONGRESSO COM 35 PARTIDOS E UMA CRISE POLÍTICA, ECONÔMICA E MORAL.

VAMOS A ALGUNS DADOS PREOCUPANTES:

A Dívida Pública do Brasil já passou dos R$ 3,7 trilhões;

O gasto da União com a folha e a Previdência já é em torno dos 78% da arrecadação;

Restam 22% que daqui um poco não chegam para manter a máquina pública.

 

DETALHANDO A DÍVIDA DA PREVIDÊNCIA (DA UNIÃO, ESTADOS E MUNICÍPIOS)

O déficit da Previdência da União está em torno de R$ 86 bilhões;

O da Previdência de Estados e Municípios também está em torno de R$ 86 bilhões;

E o da Previdência geral está em R$ 74 bilhões.

Diante desse quadro, daqui um pouco não sobrará nada para investir em infraestrutura e projetos que alavanquem o setor produtivo e que reduzam o custo Brasil.

Logo, é urgente, para questão de meses, uma solução desses problemas.

COMO SOLUCIONAR ISSO?

Cabeças privilegiadas dizem que uma das formas é renovar ao máximo o Congresso. Esse modelo de partidos que aí setá dificulta a participação direta da Sociedade. É preciso um modelo misto.

Como tudo vai depender de um aval de lá para que possa equacionar a questão da dívida sem quebra de contratos nem comprometimento da credibilidade das instituições, há necessidade de renovação quase total.

Principalmente para equacionar questão da Previdência, é preciso mudar muita coisa e isso como está hoje demanda muito tempo. A negociação precisa começar fora do Congresso, com os atores envolvidos, especialmente com os do setor que manda no País: o setor público.

UMA SAÍDA:

Na Constituição e num tratado internacional está contemplada a possibilidade de se registrar a candidatura independente, avulsa.

É que com 35 partidos comandando as eleições, agora com o financiamento público que pões o dinheiro só nas mão dos partidos, tudo indica que não irá acontecer muita renovação. Então como mudar o status quo?

A candidatura independente seria a presença da Sociedade na eleição.

Esse modelo criaria condições de tornar o Congresso mais sério e de difícil transformação em um balcão de negócios.

Seria praticamente um sistema parlamentarista.

O desafio será operacionalizar o Congresso. Que tipo de Regimento? Como dar praticidade à mecânica da tramitação de matérias? E como disciplinar as votações no Plenário?


107 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-