Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
DEPUTADO OBTÉM COMPROMISSO DO GOVERNADOR PARA CONCLUSÃO DE OBRAS – Hospital em Lages e Serra do Corvo Branco serão concluídos com recursos próprios.

DEPUTADO OBTÉM COMPROMISSO DO GOVERNADOR PARA CONCLUSÃO DE OBRAS – Hospital em Lages e Serra do Corvo Branco serão concluídos com recursos próprios.

DEMAIS OBRAS DEPENDERÃO DE FINANCIAMENTOS A SEREM BUSCADOS NO ANO QUE VEM, MAS EQUIPAMENTOS DO HOSPITAL TERÃO LICITAÇÃO ANA QUE VEM. Último
PÚBLICO TAMBÉM FOI ATRAÇÃO NA 2ª NOITE DO FESTIVAL “UMA CANÇÃO PARA CRICIÚMA”/SC – O espetáculo faz parte das comemorações dos 140 anos da cidade.

PÚBLICO TAMBÉM FOI ATRAÇÃO NA 2ª NOITE DO FESTIVAL “UMA CANÇÃO PARA CRICIÚMA”/SC – O espetáculo faz parte das comemorações dos 140 anos da cidade.

Nesta sexta, 15, acontece a 3ª etapa, completando as 36 composições participantes do festival. Sábado será a grande noite. Serão
NOVA FRENTE PARLAMENTAR VAI CONTRIBUIR COM O MODELO PRODUTIVO CATARINENSE – A Frente do Agronegócio, Turismo Rural e Tradicionalismo é ideia inteligente.

NOVA FRENTE PARLAMENTAR VAI CONTRIBUIR COM O MODELO PRODUTIVO CATARINENSE – A Frente do Agronegócio, Turismo Rural e Tradicionalismo é ideia inteligente.

SANTA CATARINA É MODELO AO BRASIL EM AGROINDÚSTRIAS, COOPERATIVISMO E EQUILÍBRIO SÓCIO ECONÔMICO. O sucesso do setor produtivo catarinense é consequência
NOVO PARTIDO DE BOLSONARO ESTÁ EM ALTA EM SC – Meta é de 1.000 novos membros/dia e diretórios municipais já.

NOVO PARTIDO DE BOLSONARO ESTÁ EM ALTA EM SC – Meta é de 1.000 novos membros/dia e diretórios municipais já.

"ALIANÇA PELO BRASIL" VIRA O FATO POLÍTICO DA SEMANA E BOMBA NAS REDES SOCIAIS E MÍDIA IMPRESSA DO INTERIOR. Veja o
LANÇADA NOVA FRENTE PARLAMENTAR – A do Agronegócio, Turismo Rural e Cultura Tradicionalista.

LANÇADA NOVA FRENTE PARLAMENTAR – A do Agronegócio, Turismo Rural e Cultura Tradicionalista.

Foi nesta quarta, 13, na ALESC, reunindo representantes destes importantes setores do bem sucedido modelo produtivo catarinense. Na mesa dos trabalhos
OPINIÃO – MINISTRO PAULO GUEDES TEM RAZÃO – A Lei de Responsabilidade Fiscal é inócua sem a cultura da responsabilidade nos gastos.

OPINIÃO – MINISTRO PAULO GUEDES TEM RAZÃO – A Lei de Responsabilidade Fiscal é inócua sem a cultura da responsabilidade nos gastos.

PARA NÓS AQUI DO PORTAL O PODER PÚBLICO JÁ NASCEU COBRADOR DE IMPOSTOS E EXPLORADOR DAS RIQUEZAS NATURAIS E DAS
MUNICÍPIOS SÃO UM FARDO A MAIS PARA O CIDADÃO – Mas só enxugando a folha da Prefeitura e da Câmara já não é preciso incorporação.

MUNICÍPIOS SÃO UM FARDO A MAIS PARA O CIDADÃO – Mas só enxugando a folha da Prefeitura e da Câmara já não é preciso incorporação.

BASTA SUBSTITUIR O LEGISLATIVO POR UM CONSELHO SEM SALÁRIO QUE REDUZ O QUADRO E MELHORA O RESULTADO. OPINIÃO Quando as câmaras de
BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Técnicos param em pé enquanto os jogadores querem. Dos que derrubaram o chefe só as raposas velhas perderam.

BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Técnicos param em pé enquanto os jogadores querem. Dos que derrubaram o chefe só as raposas velhas perderam.

TÉCNICO DE FUTEBOL ATÉ PARECE MINISTRO DA EDUCAÇÃO: SE O APARELHAMENTO IDEOLÓGICO, OS MANISFESTANTES E OS GREVISTAS RESOLVEREM, DERRUBAM. Como é

INFRAESTRUTURA COMANDARÁ PROCESSO DE INVESTIMENTOS EXTERNOS – Aqui um empreendimento que é exemplo de sustentabilidade.


ft 5
Esta postagem foi publicada em 27 de outubro de 2019 Administração, Destaques 1, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

ITÁ/SC PRESERVA O MEIO AMBIENTE E A VIDA HUMANA. O IMPACTO BOM E O RUIM DAS USINAS HIDRELÉTRICAS.

 

Por que se pode dizer que a usina de Itá/SC é um dos exemplos de que é possível gerar energia elétrica em rios e em cidades, preservando o meio ambiente e a vida humana?

Lá as pessoas mais ganharam do que perderam com esse empreendimento. Apenas sentem saudade da velha morada e da igrejinha que agora só a torre aparace.

Usinas hidrelétricas causam um duplo impacto nas comunidades. Um do lado bom que é o desenvolvimento e outro é o adicional indesejável com transtornos às populações.

Mas veja como ficou a cidade de Itá/SC, depois da usina. Há 10 anos conhecemos a nova Itá, já após alguns anos da reconstrução. Na época já com cerca de 10 anos de idade. Uma cidade moderna e turística. A velha deu lugar ao lago, depósito de energia potencial (água).

As usinas trazem adicionais indesejáveis com impacto ambiental e nas pessoas. Mas também alas promovem o desenvolvimento, trazem novas receitas aos municípios atingidos, emprego, renda e desenvolvimento econômico e social.

A usina de Itá, por exemplo, é uma delas. Outra é a de Barra Grande que salvou a economia de Anita Garibaldi. A ENERCAN, que transformou Celso Ramos e alavancou a economia de Campos Novos. Agora estão em construção mais três PCHs na região da Serra Catarinense. A região vai ser uma antes e outra depois das usinas.

São José do Cerrito, por exemplo, foi o município onde mais foram criadas empresas em 2018: 204% a mais que no ano anterior. Lá estão em construção duas PCHs.

Portanto, quando há seriedade na fiscalização de projetos de novos empreendimentos, há como aproveitar perfeitamente o potencial de qualquer região.


525 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-