Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

O PARLAMENTAR ENTENDE QUE A POPULAÇÃO DE TODO O ESTADO NÃO PODE CONTINUAR PAGANDO POR UMA OBRA INÚTIL E QUE
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

ESTÁ EM ANDAMENTO A CPI DA PONTE HERCÍLIO LUZ, QUE  INVESTIGA SUSPEITA DE MAU USO DO DINHEIRO PÚBLICO EM CONTRATOS
NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

QUE TAL COMEÇAR A SE PENSAR EM MUDAR A CAPITAL PARA O CENTRO DO ESTADO? Nem foi concluída a reforma da
PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

COMEÇAM AUDIÊNCIAS PÚBLICAS E VOTAÇÕES SÃO PREVISTAS PARA 5 DE SETEMBRO E 10 DE OUTUBRO. Já é certa a edição na Casa
SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SÃO MODERNOS RECURSOS PARA VOCÊ MANTER SUA PELE SEMPRE JOVEM,  SAUDÁVEL, BEM ACESSÍVEIS E SUSTENTÁVEIS. Os produtos Forever são concebidos a
DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

A ideia da mudança da estrutura administrativa da capital para o interior chegou até a constar das disposições transitórias  da
QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

CLARO QUE VAMOS PRESERVARA A AMAZÔNIA E QUE PRECISAMOS DE RECURSOS, MAS, NOSSA DIGNIDADE E SOBERANIA NÃO TEM PREÇO. Isso é
ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

Tem inicio hoje a série “ESPAÇO MUNICIPAL”. Objetivo é mostrar as potencialidades e os fatos marcantes dos municípios de nossa

MODELO PRODUTIVO CATARINENSE – Saiba qual a segunda economia da Serra


Esta postagem foi publicada em 17 de julho de 2018 Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

DOIS MUNICÍPIOS DISPUTARAM PALMO A PALMO O SEGUNDO LUGAR

Madeira, fruticultura, pecuária, indústria e turismo estão alavancando a economia da região

São Joaquim e Otacílio Costa disputam nos últimos anos a vice-liderança na Serra Catarinense. Com Valor Adicionado (VA) de mais de R$ 582 milhões, São Joaquim praticamente se consolida como o segundo município de economia mais forte na Serra Catarinense. É o que revela o assessor de Movimento Econômico da Amures, Adilsom de Oliveira Branco, que fez apresentação dos números aos prefeitos em assembleia realizada na tarde desta quarta-feira (11), no auditório da MidiLages, na Uniplac.
O que explicou Adilsom Branco é que o VA corresponde à formação das riquezas geradas pelas empresas em determinado período e sua respectiva distribuição. E nesse contesto São joaquim vinha mantendo uma taxa média de crescimento anual e desde o ano passado ultrapassou Otacílio Costa, que ocupava a segunda posição no ranking das maiores economias regionais.
Hoje, Otacílio Costa aparece com Valor Adicionado da ordem de R$ 580 milhões e Lages lidera absoluta com mais de R$ 4.3 bilhões representando mais de 50% de toda movimentação econômica da Serra Catarinense.
O salto econômico de São Joaquim é associado a crescente produção de maçã e a industrialização da fruta. Somam-se a produção de pecuária e a atividade da vitivinicultura como alicerces na solidificação da economia joaquinense.
Durante a reunião dos prefeitos foram apresentados os últimos números da economia regional com base no monitoramento realizado pela Amures junto a Secretaria de Estado da Fazenda e às empresas que geram o VA.
De acordo com Adilsom Branco, somando os trabalhos das fases de auditoria, recursos e solicitações de correções feitas diretamente aos contadores da empresas, se conseguiu recuperar este ano cercar R$ 403.4 milhões em VA para a região.

Prodetur+Turismo

A reunião dos prefeitos teve apresentação também, do Programa de Desenvolvimento e Estruturação do Turismo – Prodetur + Turismo, pela assessora de Turismo da Amures, Ana Vieira. Ela explicou que os projetos e ações aptos a serem beneficiados pelo Prodetur + Turismo serão identificados com o Selo + Turismo, indicativo de alinhamento da proposta com a Política Nacional de Turismo, com o Plano Nacional de Turismo 2018 – 2022 e com as diretrizes do programa.
“Os municípios que obtiverem o Selo + Turismo terão prioridade para acessar recursos do Ministério do Turismo”, frisou Ana Vieira. Sobre a estruturação do setor, ela falou que haverá acesso a linhas de financiamento com prazos e juros diferenciados de instituições como o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Uma parte da reunião dos prefeitos foi destinada ao subcomandante do 5° Batalhão de Bombeiros Militar, Mateus Muniz Corradini, que falou da estruturação dos bombeiros na região e da importância das parcerias com as prefeituras. O Reitor da Uniplac Kaio Henrique Coelho do Amarante participou da reunião e colocou a insitutição como parceira dos municípios para projetos de desenvolvimento regional.
O diretor executivo do Consórcio de de Meio Ambiente – Cisama, Selênio Sartori e do Consórcio de Saúde Nalú Júlio, também tiveram espaço na reunião dos prefeitos para tratativas de assuntos internos das respectivas instituições.

 


80 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-