Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
SALVE LINDO, PENDÃO DA ESPERANÇA! – Hoje é o da da bandeira mais linda do mundo.

SALVE LINDO, PENDÃO DA ESPERANÇA! – Hoje é o da da bandeira mais linda do mundo.

NUNCA NOSSA BANDEIRA FOI TÃO EMPUNHADA COMO NA CAMPANHA ELEITORAL DESTE ANO. VIROU O PENDÃO DA ESPERANÇA DE FATO! Ideal seria
EX-PREFEITA DE BOMBINHAS VIRA DEPUTADA – Líderes do PDT de Lages agora tem sua representante na ALESC.

EX-PREFEITA DE BOMBINHAS VIRA DEPUTADA – Líderes do PDT de Lages agora tem sua representante na ALESC.

DESTA VEZ O PDT DA SERRA TEVE EM QUEM VOTAR PARA DEPUTADA ESTADUAL: ANA PAULA DA SILVA. Atendendo a pedidos de
AS BEM HUMORADAS DO PORTAL – Juscelino se esqueceu de fazer o mar em Brasília; mas os governos do PT não se esqueceram de “fazer” 40 mil pescadores.

AS BEM HUMORADAS DO PORTAL – Juscelino se esqueceu de fazer o mar em Brasília; mas os governos do PT não se esqueceram de “fazer” 40 mil pescadores.

PESCADORES DE PÉ ENXUTO RECEBEM SALÁRIO MESMO SEM MAR NEM RIO EM BRASÍLIA. Pasme! Só lá existem mais de 40 mil
MUITO CHARME E EMOÇÃO NA FESTA DA FOREVER EM SC – Neste sábado o Sistema Forever Águias Brasil de Criciúma comemorou 12 anos.

MUITO CHARME E EMOÇÃO NA FESTA DA FOREVER EM SC – Neste sábado o Sistema Forever Águias Brasil de Criciúma comemorou 12 anos.

O RESTAURANTE HARAS HG E A PRODUÇÃO VISUAL DOS PARTICIPANTES FORAM OS CHARMES DA NOITE. Um ambiente oportuno, uma comunicação visual
UMA CONSTRUÇÃO QUE DUROU MAIS DE 200 ANOS – Agora 282 precisa ser duplicada e privatizada.

UMA CONSTRUÇÃO QUE DUROU MAIS DE 200 ANOS – Agora 282 precisa ser duplicada e privatizada.

COM A PALAVRA OS SENADORES ELEITOS: ESPERIDIÃO AMIN  E JORGINHO MELO QUE DISCURSARAM A CAMPANHA INTEIRA SOBRE MAIS RETORNO $$$
AS BEM HUMORADAS DA POLÍTICA – Nesta campanha eleitoral o WhatsApp sepultou o “santinho” dos candidatos.

AS BEM HUMORADAS DA POLÍTICA – Nesta campanha eleitoral o WhatsApp sepultou o “santinho” dos candidatos.

PARA DESESPERO DAS GRÁFICAS A SELFIE TOMOU CONTA DAS CENAS NAS RUAS DO PAÍS. O FUNDO DE FINANCIAMENTO E O
CONFRATERNIZAÇÃO DE PMS CONTINUA REPERCUTINDO – Elizeu Mattos está na região e visitou amigos em Lages.

CONFRATERNIZAÇÃO DE PMS CONTINUA REPERCUTINDO – Elizeu Mattos está na região e visitou amigos em Lages.

REVENDO AMIGOS E PRESTIGIANDO CONFRATERNIZAÇÃO DOS OFICIAIS DA PM, RESERVA REMUNERADA. Quem está na região é o ex-prefeito de Lages, Elizeu
SEMANA DE LAGES 252 ANOS DE HISTÓRIA – De Vila à República Juliana; e das tradições e cultura à modernidade.

SEMANA DE LAGES 252 ANOS DE HISTÓRIA – De Vila à República Juliana; e das tradições e cultura à modernidade.

COM A COLABORAÇÃO DE ALMIRANTE SOARES FILHO E COM OS NOSSOS ARQUIVOS, ALGUNS ÂNGULOS E FATOS DA HISTÓRIA DE LAGES. Flagrante

UMA CONSTRUÇÃO QUE DUROU MAIS DE 200 ANOS – Agora 282 precisa ser duplicada e privatizada.


serra 15
Esta postagem foi publicada em 18 de novembro de 2018 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

COM A PALAVRA OS SENADORES ELEITOS: ESPERIDIÃO AMIN  E JORGINHO MELO QUE DISCURSARAM A CAMPANHA INTEIRA SOBRE MAIS RETORNO $$$ A SC.

1-espieridiao-amin-jorginho-melo

A BR-282 é o caminho entre o turismo de veraneio catarinense e o turismo de serra e de inverno.

O desafio dos novos senadores  – Amim e Jorginho – será conseguir uma parceria público privada. É que dinheiro público só haverá daqui uns 20 anos.

Nossa representação política regional se reduziu a praticamente a zero. É sem expressão, inexperiente e será contra os governos estadual e federal.

A PARTIR DE AGORA A BR-282 SÓ VAI TER SENTIDO CASO SEJA INTEGRADO O TURISMO DE VERANEIO DO LITORAL E O TURISMO DA SERRA CATARINENSE.

Veja agora as imagens mágicas do potencial turístico de Santa Catarina. O contraste do calor e o frio distantes apenas 200 km.

chamada EDITADA

maxresdefault

Praça Central, onde os turistas chegam primeiro

Praça Central, onde os turistas chegam primeiro

sao-joaquim-sc .......

111

…………..

A ESTRADA CONSTRUÍDA A DURAS PENAS, RECEBENDO MIGALHAS E PELO VIÉS POLITIQUEIRO AGORA ESTÁ ULTRAPASSADA, INEFICIENTE E PERIGOSA DEVIDO AO GARGALOS.

Conheça agora alguns capítulos dessa história.

A história das obras da BR-282 se divide em capítulos. A rigor, foi uma rodovia federal pavimentada por delegação ao Estado. O governo federal fazia um convênio com o Estado e repassava os recursos.

Nesse tempo ainda não havia uma Laja Jato para espantar a corrupção da propina do “BERRODUTO”

bb97bb4b6719f73c72fcdd6f6278e72abf524dd3

O primeiro capítulo dessa história foi protagonizado pelo ex-governador Antônio Carlos Konder Reis. Ele fez o primeiro trecho de 30 km de Bom Retiro até a Ponte Canoas. Isso foi anos de 1970.

O ex-governador Jorge Bornhausen fez o trecho de Índios até a BR-116, incluindo os trechos urbanos de Lages. Também deu início à construção das pontes e do viaduto V-8, em Rancho Queimado.

Esperidião Amin fez o maior trecho da rodovia, os 102 km entre Águas Mornas e Bom Retiro. No segundo mandato, Amin fez mais dois km do Salto Caveiras até a ponte Amola Faca, em direção a São José do Cerrito.

Vilson Kleynubing - 42km da ponte Canoas a Indios

O ex-governador Vilson Kleynubing fez o trecho de 42 km entre a Ponte Canoas e índios. Foi o trecho mais difícil, pois a inflação era de 83% ao mês e quando os recursos chagavam já não valiam quase mais nada. O Estado ficava com parte do prejuízo. A gente lembra que no Governo Esperidião Amin o Besc entrou em dificuldade, em parte, devido aos prejuízos financeiros das obras da BR-282. Os recursos vinham defasados e o banco já havia bancado os gastos.

Paulo Afonso - Inauguração do trecho BR 116 à entrada do Salto

Show das Perolas Negras na Inauguração do trecho BR 116 à entrada do Salto

O ex-governador Paulo Afonso asfaltou o trecho da BR-116 até o Salto Caveiras. Também foi um tempo difícil devido aos recursos e a instabilidade no Governo Federal com o impeachment de Fernando Collor e ascensão do vice Itamar Franco à Presidência.

Luiz Henrique- trecho Amola faca ao Cerrito

O ex-governador Luiz Henrique da Silveira Fez o trecho da Ponte Amola Faca até São José do Cerrito, com R$ 5 milhões do Estado e de R$ 7,1 milhões do Governo Federal. Foi o convênio mais demorado, devido à burocracia do Governo do PT. Inúmeras viagens do governador Luiz Henrique a Brasília e vindas de ministros a Florianópolis.

O último trecho, de 55 km, de São José do Cerrito até Campos Novos foi o único exclusivo do Governo Federal. Na primeira fase das obras, a empreiteira ARG parou a obra por ordem da Comissão Mista de Orçamento do Congresso, alegando um superfaturamento de R$ 11 milhões. Um acordo mediado pelo Procurador da República em Lages, Nazareno Jorgealém Wolff, possibilitou a retomada das obras com a empreiteira comprometendo a repor em serviços os R$ 11 milhes alegados.

Idelí Salvatti em manifestação pelas obras em Campos Novos - foi responsavel pelo trecho Cerrito à Campos novos

Do lado do Executivo que quem realmente foi responsável pela conclusão das obras da BR-282, do Cerrito a Campos Novos, foi a senadora Idelí Salvatti, durante o Governo Lula. Pode ser considerada a Mãe da BR-282 de São José do Cerrito a Campos Novos.

FOTO2

Também o 1º BEC teve seus méritos na pavimentação dessa obra. Além de construir as pontes viadutos, pavimentou o trecho da BR-116 à Entrada do Salto Caveiras, no Governo Paulo Afonso. Depois pavimentou o trecho seguinte, até São José do Cerrito.

Todos os parlamentares da região participaram da campanha pela BR-282. Deputados: Henrique Córdova(e ex-governador), Evaldo Amaral, Paulo Duarte, Ivan Ranzolin, Raimundo Colombo, Fernando Coruja, Rivaldo Macari, Francisco Küster e o senador Dirceu Carneiro.

História curiosas da construção da BR

HÁ 200 ANOS ERA APENAS UMA PICADA. DEPOIS VEIO A ESTRADA DE CHÃO E DE 60 PRA CÁ VIERAM OS TRECHOS DE ASFALTO.

No começo do século passado os prefeitos iam a Florianópolis pela estrada de chão batido. Era um dia de viagem. Conhecemos o Tio Celso Osmundo, motorista do Vidalzinho. Ele contava que numa das viagens a Florianópolis o Secretário de Finanças do Estado perguntou ao prefeito: – Seu Vidal, quantos metros de dinheiro vai querer? – “Uns 15 está bom”, teria respondido o prefeito. “Viemos a Lages pisando em cima do fardo de dinheiro”, garantiu o Tio Celso. As notas eram recortadas na prefeitura.

AÍ COMEÇOU A VIR O ASFALTO.

A BR-282 foi uma rodovia reivindicada há mais de 200 anos. Mas o asfalto começou a surgir na segunda metade do século passado. Todos os governadores participaram de sua construção. Esperidião Amin foi o governador que mais trechos asfaltou nessa rodovia. O maior deles foi o de Águas Mornas a Bom Retiro, de 102 quilômetros.

Certa vez o então prefeito Paulo Duarte espalhou placas ao longo do leito de chão batido da rodovia, ironizando sua demorada construção. Uma delas dizia: “Não se irrite, são apenas mais 40 km de poeira!”

Porém, a mais célebre frase de Paulo Duarte foi esta: “Se vendêssemos a carne já consumida em churrascos de lançamentos de Ordens de Serviço e de manifestações na BR-282, daria para pagar a conclusão da sua pavimentação”.

Uma passagem de saia justa de Paulo Duarte foi no churrasco de inauguração do trecho até Bom Retiro. A cidade ficou vazia. Os 4 ou 5 mil habitantes estavam todos na festa. O prefeito Paulo Duarte, de Lages, também era o  presidente da Amures. Duarte chamava o secretário executivo, o falecido Luiz Carlos Régis, de “Nego Régis”. Ao enxergar o Régis, Paulo Duarte disse: pensei que pobre não entrava aqui. Quando olhou para o lado estava sentado um cara de uns 2 metros de altura, pobre e rosilho de velho. Meio sem graça, Duarte tentou consertar: “o senhor me desculpa, eu só estava brincando com o DR Régis. Aqui a festa é pra todo mundo”.

 


350 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-