Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
VEJA PARTE DA HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA ESTRADA CORVO BRANCO/sc – “Estamos tingindo de preto as asas brancas do corvo”.

VEJA PARTE DA HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA ESTRADA CORVO BRANCO/sc – “Estamos tingindo de preto as asas brancas do corvo”.

ESSA CONSTRUÇÃO FOI MAIS UM DOS DESAFIOS DA ENGENHARIA À NATUREZA. ELA PASSA POR UM SANTUÁRIO ECOLÓGICO DE GRÃO PARÁ.
FÓRUM PARLAMENTAR/SC FOI À ANTT DISCUTIR CONCESSÃO DA 101 – Amin e FECAM integraram essa comitiva.

FÓRUM PARLAMENTAR/SC FOI À ANTT DISCUTIR CONCESSÃO DA 101 – Amin e FECAM integraram essa comitiva.

O senador Esperidião Amin participou da reunião do Fórum Parlamentar Catarinense com a Diretoria da ANTT, em Brasília. Objetivo foi
UM SONHO DA SERRA DO RIO DO RASTRO – UM TELEFÉRICO LIGANDO SIDERÓPOLIS AO MIRANTE DE BOM JARDIM..

UM SONHO DA SERRA DO RIO DO RASTRO – UM TELEFÉRICO LIGANDO SIDERÓPOLIS AO MIRANTE DE BOM JARDIM..

PENSADO NO GOVERNO CATARINENSE PASSADO, O PROJETO INTERESSOU A INVESTIDORES EXTERNOS. MAS AGORA ESTÁ FORA DA PAUTA DO TURISMO DE
OBRAS DAS RODOVIAS CATARINENSES TEM AS DIGITAIS E AMIN – BR 282 e Esterada da Serra do Rio do Rastro foram seus desafios.

OBRAS DAS RODOVIAS CATARINENSES TEM AS DIGITAIS E AMIN – BR 282 e Esterada da Serra do Rio do Rastro foram seus desafios.

GOVERNADOR POR DUAS VEZES, O ATUAL SENADOR ESPERIDIÃO AMIN SEMPRE FOI UM APAIXONADO POR RODOVIAS. DESDE OS TEMPOS DE SECRETÁRIO
A MULHER NA POLÍTICA – A força da bancada do batom continua em alta em Santa Catarina.

A MULHER NA POLÍTICA – A força da bancada do batom continua em alta em Santa Catarina.

URUPEMA - NA SERRA CATARINENSE - DEVE SER O MUNICÍPIO COM A MAIOR BANCADA FEMININA. São quatro as vereadoras que estão
BASTIDORES DO INDICIAMENTO DE JULIO GARCIA EM IMAGENS – Maioria do público da terça, 15, nos arredores do plenário da ALESC, era de repórteres.

BASTIDORES DO INDICIAMENTO DE JULIO GARCIA EM IMAGENS – Maioria do público da terça, 15, nos arredores do plenário da ALESC, era de repórteres.

PRESIDENTE DO PODER GARANTE QUE VIVERÁ UM CALVÁRIO ATÉ O STF, MAS PROVARÁ OS EQUÍVOCOS DESSA INVESTIGAÇÃO ALCATRAZ EM RELAÇÃO
AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE PROJETO QUE BENEFICIA 60% DOS MUNICÍPIOS – A matéria é do deputado Jerry Comper, presidente da comissão de assuntos municipais/SC.

AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE PROJETO QUE BENEFICIA 60% DOS MUNICÍPIOS – A matéria é do deputado Jerry Comper, presidente da comissão de assuntos municipais/SC.

PROJETO PROPÕE ALTERAÇÃO NA DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS AOS MUNICÍPIOS. OS MENORES, UNS 60%, SERIAM OS MAIS BENEFICIADOS. Atualmente o bolo do
EDITORIAL –  É importante se criar municípios? Qual o efeito disso no retorno dos impostos?

EDITORIAL – É importante se criar municípios? Qual o efeito disso no retorno dos impostos?

HOJE A DIVISÃO DO BOLO ARRECADADO NO ICMS É DE PARTE IGUALMENTE A TODOS E PARTE COM BASE NO MOVIMENTO

CONVÊNIOS ENTRE ESTADO E LAGES/SERRA CATARINENSE – Audiência tratou sobre convênios, saúde e possível transferência de gerências regionais.


ceron
Esta postagem foi publicada em 10 de março de 2019 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

EM SUA PRIMEIRA AUDIÊNCIA NO GOVERNO DO ESTADO, O PREFEITO AINDA TRATOU SOBRE O TERRENO DOADO A UMA FÁBRICA DE VEÍCULOS.

Menos de dois meses após a troca de comando no Governo de Santa Catarina, o prefeito Antonio Ceron (Lages) marcou presença no Centro Administrativo em defesa dos interesses da cidade. No último dia 25, ele esteve em Florianópolis em sua primeira agenda oficial com a atual administração para tratar de diversos assuntos, em especial, os convênios vigentes entre Município e Estado.

O prefeito, que já foi secretário da Casa Civil na gestão do ex-governador Raimundo Colombo, foi recebido pelo atual chefe da pasta, Douglas Borba. Em pauta, a preocupação com a suposta transferência das gerências regionais de Educação, da Saúde e da Celesc para outras cidades. Ceron acredita se tratar de boatos, mas mesmo assim, pediu ao secretário que, se realmente houver essa intenção por parte do Governo, Lages não seja afetada com as mudanças.

Outro assunto foi o terreno onde seria construída a fábrica de caminhões da Sinotruck, às margens da BR-282, na localidade de Índios. Prefeitura e Governo do Estado já tinham encaminhamentos avançados neste sentido, mas as negociações travaram ao longo do ano passado. Agora, Ceron pede que o Estado fique com o terreno ou, na pior das hipóteses, conceda uma carência de seis meses e permita o pagamento em até 180 meses mediante o desconto no retorno do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

“Lá atrás, quando iniciou o projeto da Sinotruk, tudo foi feito com a melhor das intenções entre Estado e Município. Se a empresa prosperasse, a Prefeitura teria condições de pagar pelo terreno. Mas a fábrica não saiu, e uma dívida cujo valor inicial era de R$ 7 milhões, hoje passa dos R$ 10 milhões, sendo que, como valor de mercado, eu imagino que aquele imóvel não passa de R$ 5 milhões. Queremos o apoio do Governo do Estado nesta questão”, diz o prefeito.

A pauta mais forte da reunião foi a manutenção dos três convênios vigentes entre Estado e Prefeitura. Firmados ainda na administração do ex-governador Raimundo Colombo, os acordos preveem um repasse total de R$ 14 milhões para obras em vias urbanas, a revitalização do Centro e a restauração do Mercado Público. O secretário Douglas Borba conheceu detalhes dos investimentos e sinalizou com a continuidade dos convênios.

Em Florianópolis, o prefeito também conversou rapidamente sobre outros assuntos com o secretário de Estado da Saúde, Helton Zeferino, e com o governador Carlos Moisés da Silva.

“Vejo com otimismo o encaminhamento das nossas demandas no Estado”, conclui o prefeito.

 

 


169 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-