SUCESSÃO PRESIDENCIAL – Lula é lançado pré-candidato à presidente. Mas, analistas acham que será apenas cabo eleitoral de luxo.

SUCESSÃO PRESIDENCIAL – Lula é lançado pré-candidato à presidente. Mas, analistas acham que será apenas cabo eleitoral de luxo.

PRESENTE OS MAIORES QUADROS DO PARTIDO, INCLUSIVE DILMA E GLEISI HOFFMANN.

Em pré-convenção realizada ontem na cidade de Contagem/MG, o PT – Partido dos Trabalhadores – lançou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como pré-candidato a presidente da República.

O ex-presidente cumpre pena em Curitiba, após condenação em segunda instância no processo do caso do Triplex do Guarujá.

Essa condenação fez com que Lula tenha dificuldade para registrar sua candidatura no TSE. Juristas sustentam que Lula já está impedido de se candidatar porque agora é ficha suja.

A estratégia do partido deve ser a de manter o ex-presidente como pré-candidato, fazer o registro até em 15 de agosto e se for negado pelo TSE, ele passe a ser uma espécie de cabo eleitoral de luxo, isto é, um nome que seria favorito apenas apiando e trabalhando no palanque.

Para se ter uma ideia, na última pesquisa sobre a corrida pela sucessão presidencial, com Lula candidato ele aparece em 1º lugar e se retirado, Bolsonaro aparece em 1º, porém, o candidato indicado do por ele, Fernando Haddad, aparece com 11%, perfeitamente em condições de ir para o 2º turino. Quando a pesquisa é espontânea, Haddad cai para apenas 3%, em torno da margem de erro.