PRIMEIRO MUNDO VÊ BRASIL COMO COLÔNIA DA ERA MODERNA – Reserva para sequestro de carbono, compensação ambiental, biodiversidade e alimento a eles.

PRIMEIRO MUNDO VÊ BRASIL COMO COLÔNIA DA ERA MODERNA – Reserva para sequestro de carbono, compensação ambiental, biodiversidade e alimento a eles.

PERIGA ATÉ NOS TRANSFORMAREM NUMA GUIANA DO MUNDO RICO. QUEREM ESTE PAÍS COMO UMA RESERVA AMBIENTAL SUBSERVIENTE.

 

Editorial

 

A voz corrente por aqui é que depois da compra de reflorestamentos e de florestas para sequestro de carbono – o que é muito bom – agora estariam adquirindo áreas para compensação daquilo que destruíram lá fora, como por exemplo na Europa. Até existem dados sobre valor por hectare e tipo de florestas.

Não estamos afirmando que isso não seja bom. É positivo para o meio ambiente. Mas se for para nossas compensações. O que é questionável é se for com a finalidade de compensar os estragos que a agricultura de outros países já fez, usando nosso território.

Parece que além de só enxergarem nosso país como uma fonte de alimento, biodiversidade e outras commodities, agora estão de olho em nossas terras para reservas de compensação a áreas degradadas lá fora.

Só o que faltava era agora quererem transformar o Brasil numa espécie de Colônia Guiana da Era Moderna. Isto é, um país com relativa soberania, quase como escravo.

Perguntamos: alguém ouve falar alguma coisa sobre as Guianas, duas já independentes? A não ser sobre a terceira, um Departamento da frança, que de vem em quando falam, mais  nada!… Na prática, são apenas territórios estratégicos!…

Isso nos parece o que imaginam para nós.

LOGOMARCA-ERON-PORTAL-GRANDE

Texto: Eron J Silva