FACISC REPUDIA CRIAÇÃO DE NOVOS CARGOS – E solicita veto ao projeto aprovado na ALESC

FACISC REPUDIA CRIAÇÃO DE NOVOS CARGOS – E solicita veto ao projeto aprovado na ALESC

FACISC ACABA DE REAGIR FRONTALMENTE CONTRÁRIA A MAIS GASTOS NO TJ/SC

Como última apelação, o presidente da Facisc, Jonny Zulauf, enviou ainda esta semana ofício ao governador interino, desembargador Rodrigo Collaço, que solicita o veto ao  projeto (PLC no. 0014/2018) aprovado na Alesc que cria 462 cargos comissionados no TJ-SC.

O pedido alerta que a polêmica proposta aumentará em R$ 60 milhões a folha de pagamento do Judiciário catarinense.

Representando o setor produtivo, Zulauf alerta e defende que há absoluta falta de recursos financeiros do Estado de Santa Catarina, até para manter o equilíbrio financeiro do ano, pois não haverá recursos para fechar o orçamento em razão do déficit, já confirmado pelo secretário de Estado da Fazenda. “Nosso argumento é a responsabilidade fiscal, da qual o próprio Poder Judiciário é guardião”, ressalta Zulauf no documento enviado ao governador.