A GREVE NA REGIÃO -Shows da Festa estão garantidos mesmo com a falta de combustível

A GREVE NA REGIÃO -Shows da Festa estão garantidos mesmo com a falta de combustível

NESTA SEGUNDA O PREFEITO ANTÔNIO CERON FEZ UM BALAÇO DOS EFEITOS DA GREVE

A falta de combustível compromete os serviços mas sua  equipe está conseguindo realizar o básico. A partir desta quarta, 30, todos os alunos da rede municipal voltarão às aulas. Apenas no interior é que não será possível o retorno.

As barreiras nas estradas se limitam ao transporte comercial, mas isso atinge o transporte de combustível com efeito direto na movimentação da população.

Ainda há barreiras em todas as estradas da região, conforme fotos que ilustram esta reportagem. Em Otacílio Costa, na maior interrupção da região, está livre a passagem de carros de passeio, viaturas, cargas de gêneros essenciais à vida (para hospitais, por exemplo), ônibus do transporte coletivo regular, escolar, turismo e excursões. A partir desta terça, 29, já é esperando o funcionamento de toda a rede de postos de combustíveis.

Nas grandes cidades o transporte de insumos essenciais como combustível para aviões, para viaturas, geração de energia, tratamento de água e para hospitais está sendo conseguido com escolta policial, graças a liminares.

Aqui na região ainda não se tem notícia de um possível transporte emergencial de combustível. Menos ainda para o transporte de combustível para os postos de combustível que fecharam todos neste domingo. O transporte coletivo ainda está normal.

O que mais preocupa, a partir de agora, é a falta de combustível para a população. Quem estava com o tanque cheio agora já gastou. A partir de hoje é esperado o retorno do abastecimento aos postos de combustíveis.

FESTA DO PINHÃO

Nas estradas os veículos de passeio, viaturas, transporte escalar, ônibus de turismo e excursões não encontram problemas nas barrerias. Apenas os motoristas abrem o bagageiro para comprovar que não transportam encomendas. Logo, a Festa do Pinhão não está sendo prejudicada.

Apenas o público de fora poderá ser reduzido. Muita gente que programou vir para a Festa pode começa a rever sua agenda caso a falta de combustível persista. A tendência é uma redução no público visitante mas nada que comprometa a realização do evento. A Gaby Produções assegurou que não há nenhum risco de alguma atração não comparecer.

No fim de semana fomos verificar in loco, para poderíamos ajudar a tranquilizar quanto à Festa Nacional do Pinhão. Não há nenhuma restrição passagem de ônibus de artistas.

O transporte de gente até que não preocuparia, já que carros de passeio, ônibus regulares, de turismo e excursões estão passando livremente.