EXPOFEIRA DE CAMPO BELO – Ponto alto foi no sábado e previsão do movimento financeiro é de R$ 5 milhões

EXPOFEIRA DE CAMPO BELO – Ponto alto foi no sábado e previsão do movimento financeiro é de R$ 5 milhões

EVENTO MULTISSETORIAL PASSOU NO TESTE: deve estar garantida próxima edição

Aberta na sexta-feria, foi encerrada ontem, às 16 ha, 1ª Expoferia Multissetorial de Campo Belo do Sul. Esse foi um dos maiores eventos do agronegócio da Serra Catarinense e superou todas as expectativas. O maior movimento foi no sábado, com grande público no Parque de Exposições do Sobradinho. Mais de 40 expositores estiveram lá para grandes negócios e firmar parcerias bilaterais.

O otimismo estava estampado no prefeito José Tadeu Martins de Oliveira. Disse ele: “Não se tratou de uma festa com shows e pirotecnia, mas de um evento de negócios focado no fomento da economia da região”, explicou o prefeito.

Mais detalhes no conteúdo a seguir, disponibilizado pela Assessoria de Imprensa da Amures.

ANEXO

Onéris Lopes/Jornalista – Considerado celeiro da produção agrícola da Serra Catarinense, Campo Belo do Sul movimenta mais de R$ 130 milhões por ano com o agronegócio, com destaque para atividade florestal que sozinha gera mais de R$ 50 milhões em valor adicionado por ano. Hoje, o município possui algumas das melhores florestas em termos de qualidade e certificação no Brasil.

Campo Belo do Sul também exporta madeira para os Estados Unidos e em termos de sementes para novos cultivos, exporta soja para Argentina e Paraguai. A pecuária do município é referência e há algum tempo exporta terneiros vivos para Turquia. Todos os esses produtos e tecnologias estão disponíveis e prontos para negócios durante a Expofeira Multissetorial.

A abertura oficial ocorreu às 19 horas de sexta-feira (27), com uma feijoada típica aos convidados e autoridades. O presidente do Sindicato Rural, Luiz Carlos de Moraes, disse que a estrutura do Parque do Sobradinho ficou pronta dentro do planejado pelos organizadores.

“Um dos nossos desafios é fazer com esta Expofeira Multissetorial seja o elo para o intercâmbio entre os setores do agronegócio. E na próxima edição à tornaremos ainda maior com qualidade e excelência”, afirmou. Os organizadores preveem movimentar mais de R$ 5 milhões nos dois dias do evento.