MAÇÃ FUJI CONQUISTA 6ª INDICAÇÃO GEOGRÁFICA PARA SANTA CATARINA

MAÇÃ FUJI CONQUISTA 6ª INDICAÇÃO GEOGRÁFICA PARA SANTA CATARINA

Fonte: Epagri e Blog Olivete Salmória.

FRUTICULTURA CATARINENSE TEM NOVA IG (INDICAÇÃO GEOGRÁFICA).

 

Cerimônia realizada no Clube Astrea, em São Joaquim, recentemente, marcou o lançamento da Indicação Geográfica (IG) da Maçã Fuji dessa Região.

O evento foi da Epagri, em parceria com a com a Associação de Produtores de Maçã e Pera (Amap) e o Sebrae, contando com a presença de muitas lideranças do setor.

A Maçã Fuji da Região de São Joaquim já é a sexta Indicação Geográfica (IG) conquistada por Santa Catarina. É uma certificação, na categoria Denominação de Origem (DO), que abrange uma área de 4.928 km² nos municípios de São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Urupema, Urubici e Painel.

A conquista foi resultado do trabalho desenvolvida pela Epagri, Sebrae, UFSC e prefeituras, por meio de suas secretarias de agricultura, com apoio de produtores locais e de outras instituições, como a Cidasc. A solicitação foi apresentada ao INPI pela Associação de Produtores de Maçã e Pera de SC (Amap).

 

 

TRABALHO DO ‘FOTÓGRAFO DO FRIO’ É RECONHECIDO PELA ALESC

 

d9dd2160-690f-49b7-9a47-9a8235242e2e

 

Mycchel ‘Caçador de Geadas’ recebe moção de aplauso.

A Assembleia Legislativa acaba de reconhecer com a moção de aplauso o trabalho do fotógrafo Mycchel Hudson Legnaghi, de São Joaquim/SC.

Por iniciativa do deputado Marcius Machado (PL) a Casa destaca os registros de fenômenos meteorológicos como geada e neve na Serra Catarinense e que repercutem no País e no mundo.

A missão já lhe rendeu o sugestivo alcunha de ‘o caçador de geadas’, pois é um estudioso do frio que sabe o dia e a  hora certa de ir à luta. Sai às 4h da manhã em dias de previsão de geadas, principalmente aquelas fora de época.

Marcius classificou o trabalho do fotógrafo de extraordinário e com um olhar vinculado às belezas naturais de São Joaquim e região. “São dele essas imagens e fotos passadas para Santa Catarina, o Brasil e o mundo. Nós precisamos de pessoas com esse olhar, abnegadas em fazer trabalhos voluntários”, disse o parlamentar ao Blog Olivete Salmóia/Lages.

Sancionada lei que concede a Urupema/SC o título de ‘Capital Nacional do Frio’

A iniciativa foi do senador Esperidião Amin/Progressistas

 

wp-16383683254056071274301282911835

 

O senador Esperidião Amin (PP) é o autor do projeto que concede a Urupema, em SC, o título de “Capital Nacional do Frio”, que já foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro.

urupema12_

Foto: arquivo

Com mínimas de até dois dígitos, congelam cachoeiras, riachos e lagos.

A cidade de Urupema está localizada na Serra Catarinense e sua altitude média é de 1.425 metros, a mais alta do estado. Mas, no Morro das Torres, vasta região de morros, a altitude chega a 1.750m acima do nível do mar.

Por isso é considerada uma das cidades mais frias do País, com temperatura média anual de 14ºC. Lá são registradas as principais temperaturas negativas do Brasil todo inverno.

Segundo o meteorologista Leandro Puchalski, da NSC-TV, “pra se ter certeza de qual a cidade mais fria do Brasil, precisa-se de um histórico climatológico com dados coletados nos últimos 30 a 50 anos, para que não se caia em períodos de anomalia de curto prazo”.

 Fonte: Blog Olivete Salmória

 



Politica de Privacidade!