Erro estratégico

Erro estratégico

Nas últimas duas décadas quiseram dar ao brasileiro uma renda da Suíça e da Áustria, sendo que nosso País é de 3º Mundo, porque ainda não inventaram um 4º Mundo. Gastamos as gorduras econômicas e chegamos ao fundo do poço. Não quero afirmar que essa crise tenha sido só devido à nossa “renda mínima”.

Mas, infelizmente temos de admitir que o ex-ministro Delfim Neto tinha razão quando dizia que “para dividir é preciso ter o bolo”. Renda Mínim no Brasil, em geral, é vadiagem remunerada.

Para se ter uma idéia, o Parlamento da Áustria, um dos Países mais ricos do Planeta, com cerca de 8 milhões de habitantes, rejeitou por 73%, Projeto de Lei de Renda Mínima em torno de R$ 9 mil mensais para desempregados. O custo seria de R$ 770 bilhões/ano para a população economicamente ativa.