COLUNA ERON J SILVA, 26/07/18/J O Momento – Câmara realiza sessão solene ar homenagear CDL pelos 50 anos

COLUNA ERON J SILVA, 26/07/18/J O Momento – Câmara realiza sessão solene ar homenagear CDL pelos 50 anos

DIRETOR EXECUTIVO TAMBÉM RECEBE JUSTA HOMENAGEM: 21 anos numa entidade

O diretor executivo da CDL. Jhonathan R. da Silva, é um raro exemplo de colaborador comprometido com o projeto da organização. É focado nas tendências e sempre e sempre busca a evolução e o preparo pessoal. Ele foi homenageando no mês passado nas comemorações dos 50 anos da CDL e mais recentemente na Câmara de Vereadores em sessão solene para a entidade. Esse é um exemplo de lideranças de que Lages mais precisa para dar mais um salto.

FOTO 2

Representação da região está a perigo

Com exceção do deputado Gabriel Ribeiro, não se vê muito nome com potencial para suplantar quem virá fora com estrutura e densidade eleitoral. Devido à composição e à história pessoal, o vereador Luiz Marin pode surgir como viável. E não se vê, também, nenhum movimento mais concreto capaz de mobilizar a região em torno de duas questões: o diálogo entre os partidos para que lancem número de candidatos coerente com o eleitorado e o alerta quanto à importância de um parlamentar em Florianópolis e em Brasília. Nesta eleição haverá alto índice de abstenção, brancos e nulos. E é ilusão pensar em se eleger com 2o mil votos.

Sucessão Estadual - Amin homologado candidato a governador

Pode sair a 1ª coligação da sucessão estadual

No último final de semana e ontem aconteceram eventos regionais que sinalizaram para uma composição entre PP/PSD/PSDB. Em Florianópolis, Esperidião Amin participou de um encontro do PSD, quando disse que programa pretende executar para o futuro do Estado, se vencer a eleição. Aqui na Serra não foi diferente no encontro regional do PP. Um detalhe: como o PP já fechou com o PSDB em nível nacional, tudo indica que acontecerá o mesmo aqui em SC. No outro lado, o MDB já programou sua convenção em Joinville e com o nome quase certo na cabeça da chapa: Mauro Mariani. Em SC há dois lados: o do velho MDB e o da velha Arena. Ambos sabem como perder eleição: é só dispensar uma fatia que o outro ganha.