Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
DEVEREMOS ENTRAR NAS ÚLTIMAS SEMANAS CRÍTICAS DA COVID E CURVA DEVE COMEÇAR A ACHATAR – País passa de 1,5 milhão de casos e de 63,2 mil óbitos.

DEVEREMOS ENTRAR NAS ÚLTIMAS SEMANAS CRÍTICAS DA COVID E CURVA DEVE COMEÇAR A ACHATAR – País passa de 1,5 milhão de casos e de 63,2 mil óbitos.

MAS, OS PRÓXIMOS DOIS MESES SERÃO MUITO DIFÍCEIS, DIZEM INFECTOLOGISTAS. A QUEDA SÓ COMEÇA EM SETEMBRO. Veja universos onde chegarão as
APÓS CICLONE BOMBA, VEIO GEADA E COMEÇOU A NEVAR NA SERRA CATARINENSE – Sul contabiliza os prejuízos de mais uma catástrofe. De hoje até segunda previsão é de mais frio e chuva.

APÓS CICLONE BOMBA, VEIO GEADA E COMEÇOU A NEVAR NA SERRA CATARINENSE – Sul contabiliza os prejuízos de mais uma catástrofe. De hoje até segunda previsão é de mais frio e chuva.

FOTOS DE URUPEMA: Marleno Muniz Farias. Segundo ele, ocorreu o fenômeno Sincelo, congelando até a névoa, no Moro das Torres. E a
CONGRESSO APROVA PRORROGAÇÃO DAS ELEIÇÕES PARA NOVEMBRO – SAIBA AS NOVAS DATAS DEVIDO À PANDEMIA.

CONGRESSO APROVA PRORROGAÇÃO DAS ELEIÇÕES PARA NOVEMBRO – SAIBA AS NOVAS DATAS DEVIDO À PANDEMIA.

SENADO E CÂMARA APROVAM O ADIAMENTO DAS ELEIÇÕES PARA NOVEMBRO. Sessão conjunta das duas Casas sanciona a matéria nesta quinta,
CORRIDA ARMAMENTISTA CONTRA O VÍRUS – Nova “Gerra Fria” entre superpotências será em busca de armas contra pandemias.

CORRIDA ARMAMENTISTA CONTRA O VÍRUS – Nova “Gerra Fria” entre superpotências será em busca de armas contra pandemias.

A DISPUTA PARA DEMONSTRAÇÃO DE FORÇA, AGORA, SERÁ EM BUSCA DE UMA VACINA CONTRA O CORONAVÍRUS. Já fomos à Lua e
VEJA AS CITAÇÕES QUE SE TORNARÃO IMORTAIS – Confira porque a humanidade será outra depois da pandemia.

VEJA AS CITAÇÕES QUE SE TORNARÃO IMORTAIS – Confira porque a humanidade será outra depois da pandemia.

DUAS SÃO DO SECRETÁRIO GERAL DA OMS E UMA É DE AUTOR DESCONHECIDO. PALAVRAS EMBLEMÁTICAS E QUE SE REVESTIRÃO DE
EXTRAÇÃO PREDATÓRIA DE FLORESTAS NO BRASIL É UM FATO – Mas em reservas indígenas é meia verdade dizer que só há invasões e roubo.

EXTRAÇÃO PREDATÓRIA DE FLORESTAS NO BRASIL É UM FATO – Mas em reservas indígenas é meia verdade dizer que só há invasões e roubo.

HÁ MUITA VISTA GROSSA À EXPLORAÇÃO CLANDESTINA. COMO PODE O CORTE DE MIL ÁRVORES NÃO TER SIDO VISTO. MUITA GENTE
DISCUSSÃO SOBRE QUEIMADAS NA AMAZÔNIA PARECE FOGO DE PALHA DE ONGS E IDEOLOGIA DE RICOS QUE INCENDIARAM SUA RESERVA NATURAL – No Brasil o fogo sempre existiu em áreas agrícolas e de pastagens tradicionais.
INSISTEM NA VOLTA DE UM ESPORTE DE MASSA, MESMO SEM MASSAS NOS ESTÁDIOS –  “NÃO FAZ SENTIDO A VOLTA DO FUTEBOL AGORA, SERÁ UMA IRRESPONSABILIDADE”.

INSISTEM NA VOLTA DE UM ESPORTE DE MASSA, MESMO SEM MASSAS NOS ESTÁDIOS – “NÃO FAZ SENTIDO A VOLTA DO FUTEBOL AGORA, SERÁ UMA IRRESPONSABILIDADE”.

HÁ TANTA COISA GRAVE EXIGINDO GASTO DE DINHEIRO, ENERGIA E USO DE ESTRUTURA NESTE INSTANTE. E O MAIS GRAVE É QUE

TURISMO DE LAGES É HOMENAGEADO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA


Esta postagem foi publicada em 24 de maio de 2017 Administração, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

Fotos: Eduardo Guedes de Oliveira / Agência AL

Os 40 anos de fundação da Associação Brasileira de Empresas de Eventos, seção Santa Catarina (Abeoc) foram celebrados, na noite desta segunda-feira (22) com sessão especial na Assembleia Legislativa. O eventoreuniu lideranças políticas, empresários e representantes de órgãos públicos.  Na ocasião também foram destacadas, com placas e certificados, as entidades e personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do turismo catarinense.

Representando a Secretaria de desenvolvimento Econômico e Turismo de Lages o Assessor Técnico Henrique Beling, em nome do secretário Mário Hoeller Souza, e o Executivo de Turismo Luis Carlos Pinheiro,  recebeu das mão do Secretário de Turismo, Cultura e Esporte do Governo de Santa Catarina Leonel Pavan  e do Presidente da ABEOC  Lucas Schweitezer  um certificado em homenagem a trajetória que o Turismo na serra catarinense, tem se destacado entre elas a Festa do Pinhão e o pioneirismo  da cidade de Lages no Turismo Rural, a primeira cidade do Brasil a desenvolver a atividade, e explorar turisticamente este setor.

O Executivo de Turismo Luis Carlos Pinheiro ressaltou “Considero de suma importância a cidade de Lages estar inserida e integrada ao mercado de eventos de Santa Catarina, dentro do calendário catarinense e o sucesso da Festa Nacional do Pinhão, uma das maiores do estado, e principalmente o movimento de mais de 50 áreas da economia catarinense, na área do turismo de eventos”

ABEOC :

Fundada em 15 de janeiro de 1977 com a finalidade de coordenar, orientar e defender os interesses de suas associadas, a Abeoc está presente em 12 estados brasileiros, dentre os quais Santa Catarina, congregando 500 empresas do segmento de turismo e eventos.

Abrindo a sessão, Cobalchini, que também foi homenageado pela Abeoc, destacou que atualmente o setor é responsável por cerca 12% do PIB catarinense, contribuindo de forma expressiva para a geração de emprego e renda.

Neste sentido, disse, a Associação presta um relevante papel ao organizar toda uma cadeia econômica e divulgar o estado. “Ao longo de sua trajetória a Abeoc tornou a atividade valorizada e respeitada, praticando o associativismo, possibilitando o intercâmbio de seus filiados e divulgando o nosso estado em nível nacional e internacional. Como presidente da Comissão Turismo e Meio Ambiente, sei da sua importância para nossa economia.”

Presidente da Abeoc de Santa Catarina, Lucas Schweitzer, ressaltou que o turismo associado a eventos, também impacta indiretamente cerca de outras 50 áreas econômicas, tais como hotelaria, empresas aéreas, transportes terrestres, de logística, fornecedores de equipamentos e de alimentação. E que, mesmo em meio a um ambiente de crise, afirmou, o setor vem conseguindo crescer, graças ao empenho dos que nele atuam. “É o papel de cada um que faz essa atividade girar e prosperar. O profissional de eventos é um gestor, um gestor de pessoas, de recursos, sentimentos, relações, talentos e também de corações, que representa a paixão que é trabalhar neste meio.”

Coordenadora na Grande Florianópolis do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae-SC), Soraya Tonelli, afirmou que a Abeoc tem desenvolvido ações de fundamental importância para o desenvolvimento de suas associadas e a qualificação do estado como destino para negócios e eventos. “Podemos citar o selo Abeoc de Qualidade, em parceria com o Sebrae em todo o território nacional, sessões de negócios em diversas cidades do nosso estado, seminários de capacitação, pesquisa econômica do setor e missões empresariais. É um orgulho para nós termos como parceira uma entidade competente, técnica e produtiva como a Abeoc de Santa Catarina.”

Presente à solenidade, o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, fez um relato das ações da pasta, entre as quais citou a construção de novos centros de eventos, campanhas promocionais de alcance nacional e capacitação de agentes de turismo.

Ainda em sua fala, o secretário disse que, apesar de pequeno, o estado possui um grande potencial atrativo, mas que desenvolvê-lo requer uma união de esforços entre os entes públicos e privados. “Por suas características, Santa Catarina é cada vez mais a bola da vez do turismo nacional, mas depende de uma estrutura adequada, sobretudo para alavancar os eventos de negócios, que são importantes para baixa temporada. Diante disso, acreditamos que é necessário fortalecermos cada vez mais as parcerias entre os setores público e privado, principalmente com o trade turístico.”

 

Homenageados pela Assembleia

Na ocasião também foram destacadas, com placas e certificados, as entidades e personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do turismo catarinense.

Fonte: Alexandre Back / AGÊNCIA AL


413 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-