Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
VEJA PARTE DA HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA ESTRADA CORVO BRANCO/sc – “Estamos tingindo de preto as asas brancas do corvo”.

VEJA PARTE DA HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA ESTRADA CORVO BRANCO/sc – “Estamos tingindo de preto as asas brancas do corvo”.

ESSA CONSTRUÇÃO FOI MAIS UM DOS DESAFIOS DA ENGENHARIA À NATUREZA. ELA PASSA POR UM SANTUÁRIO ECOLÓGICO DE GRÃO PARÁ.
FÓRUM PARLAMENTAR/SC FOI À ANTT DISCUTIR CONCESSÃO DA 101 – Amin e FECAM integraram essa comitiva.

FÓRUM PARLAMENTAR/SC FOI À ANTT DISCUTIR CONCESSÃO DA 101 – Amin e FECAM integraram essa comitiva.

O senador Esperidião Amin participou da reunião do Fórum Parlamentar Catarinense com a Diretoria da ANTT, em Brasília. Objetivo foi
UM SONHO DA SERRA DO RIO DO RASTRO – UM TELEFÉRICO LIGANDO SIDERÓPOLIS AO MIRANTE DE BOM JARDIM..

UM SONHO DA SERRA DO RIO DO RASTRO – UM TELEFÉRICO LIGANDO SIDERÓPOLIS AO MIRANTE DE BOM JARDIM..

PENSADO NO GOVERNO CATARINENSE PASSADO, O PROJETO INTERESSOU A INVESTIDORES EXTERNOS. MAS AGORA ESTÁ FORA DA PAUTA DO TURISMO DE
OBRAS DAS RODOVIAS CATARINENSES TEM AS DIGITAIS E AMIN – BR 282 e Esterada da Serra do Rio do Rastro foram seus desafios.

OBRAS DAS RODOVIAS CATARINENSES TEM AS DIGITAIS E AMIN – BR 282 e Esterada da Serra do Rio do Rastro foram seus desafios.

GOVERNADOR POR DUAS VEZES, O ATUAL SENADOR ESPERIDIÃO AMIN SEMPRE FOI UM APAIXONADO POR RODOVIAS. DESDE OS TEMPOS DE SECRETÁRIO
A MULHER NA POLÍTICA – A força da bancada do batom continua em alta em Santa Catarina.

A MULHER NA POLÍTICA – A força da bancada do batom continua em alta em Santa Catarina.

URUPEMA - NA SERRA CATARINENSE - DEVE SER O MUNICÍPIO COM A MAIOR BANCADA FEMININA. São quatro as vereadoras que estão
BASTIDORES DO INDICIAMENTO DE JULIO GARCIA EM IMAGENS – Maioria do público da terça, 15, nos arredores do plenário da ALESC, era de repórteres.

BASTIDORES DO INDICIAMENTO DE JULIO GARCIA EM IMAGENS – Maioria do público da terça, 15, nos arredores do plenário da ALESC, era de repórteres.

PRESIDENTE DO PODER GARANTE QUE VIVERÁ UM CALVÁRIO ATÉ O STF, MAS PROVARÁ OS EQUÍVOCOS DESSA INVESTIGAÇÃO ALCATRAZ EM RELAÇÃO
AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE PROJETO QUE BENEFICIA 60% DOS MUNICÍPIOS – A matéria é do deputado Jerry Comper, presidente da comissão de assuntos municipais/SC.

AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE PROJETO QUE BENEFICIA 60% DOS MUNICÍPIOS – A matéria é do deputado Jerry Comper, presidente da comissão de assuntos municipais/SC.

PROJETO PROPÕE ALTERAÇÃO NA DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS AOS MUNICÍPIOS. OS MENORES, UNS 60%, SERIAM OS MAIS BENEFICIADOS. Atualmente o bolo do
EDITORIAL –  É importante se criar municípios? Qual o efeito disso no retorno dos impostos?

EDITORIAL – É importante se criar municípios? Qual o efeito disso no retorno dos impostos?

HOJE A DIVISÃO DO BOLO ARRECADADO NO ICMS É DE PARTE IGUALMENTE A TODOS E PARTE COM BASE NO MOVIMENTO

REFORMA DA PREVIDÊNCIA TEM MAIS UM DESAFIO HOJE – Comissão lê relatório às 16h mas Estados e Municípios devem ficar fora.


previdencia
Esta postagem foi publicada em 2 de julho de 2019 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

Acordo com governadores sem resultado prático. Sem votos, eles só blefaram tipo jogador de poker. PSL fez o mesmo.

Hoje será lido o novo relatório na Comissão Especial a partir das 16h, pelo relator, deputado Samuel Moreira. Agora, 18h, a sessão está na fase dos requerimentos, antes da leitura.

Sem garantia de votos pelos governadores para aprovação em plenário com a inclusão das previdências de Estados e Municípios na PEC da Reforma da Previdência Federal, fica para os destaques em Plenário.

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, acha até melhor votar com a inclusão de Estados e Municípios no Plenário da Câmara por meio de um destaque durante e votação. Assim a tramitação da PEC anda e se terá mais tempo de se construir a maioria.

A última tese do Palácio do Planalto, revelada pelo Ministro da Casa Civil, Onix Lorenzoni, foi a de se incluir um destaque na PEC mexendo no quorum das votações nas assembleias, no caso de a Previdência de Estados e Municípios ficar para estas instâncias. Seria a redução do quorum para 50% mais um voto do Plenário, a maioria simples.

Quanto às conversas dos governadores com líderes do Congresso, mais uma vez fica evidente que eles não têm muita influência sobre os votos das bancadas federais de seus estados.

OPINIÃO DO SITE

Surfaram na onda…

A verdade é que a maioria deles se elegeu na esteira de uma onda que surgiu diante da insatisfação popular com a velha política do “toma lá dá cá”.

Neste cenário, a maioria dos deputados federais de seus estados se elegeu fora de sua composição e agora tem pouco vínculo com os governadores.

Nem mesmo os campeões de votos, tem muita força. A rigor, parece que estes é que não têm força junto aos deputados federais.

Os fenômenos eleitorais surfaram na onda.

ERON PORTAL


107 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-