Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
A CIDADE MAIS FRIA E ECOLÓGICA DO BRASIL – Urupema/SC, a terra das araucárias e da neve.

A CIDADE MAIS FRIA E ECOLÓGICA DO BRASIL – Urupema/SC, a terra das araucárias e da neve.

Caminhos da Serra Catarinense - um modelo europeu de rodovias turísticas, onde a paisagem desfila à frente do visitante devido
O QUE ROLA NAS REDES SOBRE POLÍTICA – Veja algumas pérolas do Lula, professor em economia, administração e previdência.

O QUE ROLA NAS REDES SOBRE POLÍTICA – Veja algumas pérolas do Lula, professor em economia, administração e previdência.

  Como se pega a leptospirose e tudo sobre seu "Plano AÇO". E saiba o significado dessa sigla "AÇO". SUGESTÃO DE  LULA
CAMINHOS DA SERRA – Modelo europeu de estradas turísticas

CAMINHOS DA SERRA – Modelo europeu de estradas turísticas

Os projetos financiados pelo BID - Banco Interamericano de Desenvolvimento – seguem o modelo europeu de rodovias turísticas. O asfalto
CÂMARA DE VEREADORES PODE VIR A FAZER ESCOLA/SC – Projetos propõem reduzir para 1/4 salário de vereadores e para metade repasses mensais.

CÂMARA DE VEREADORES PODE VIR A FAZER ESCOLA/SC – Projetos propõem reduzir para 1/4 salário de vereadores e para metade repasses mensais.

Qualquer momento podem entrar na pauta essas medidas que seriam inéditas no País. Em Lages, o vereador passaria a ganhar
BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Raridade sobre a Seleção: vídeo à cores de uma final ganha por mais de 2 gols!

BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Raridade sobre a Seleção: vídeo à cores de uma final ganha por mais de 2 gols!

Raridade entre os clubes brasileiros: vídeo à cores de um título mundial do Santos. Coisa impossível! ...... FRASE DE UM LEITOR AQUI
FUTEBOL SERIA O ÓPIO DO POVO? – O fato é que durante as competições o torcedor esquece as mazelas. Essa aí foi a do último amistoso, contra ao Panamá.

FUTEBOL SERIA O ÓPIO DO POVO? – O fato é que durante as competições o torcedor esquece as mazelas. Essa aí foi a do último amistoso, contra ao Panamá.

    A seleção canelinha de vidro da Copa da Rússia, abaixo, foi um carrossel, mas, rolando no gramado. Resultado: voltamos pra
NOVAS CARAS PARA PREFEITO DE LAGES/SC – Qual delas tem o melhor projeto para os próximos 10 anos?

NOVAS CARAS PARA PREFEITO DE LAGES/SC – Qual delas tem o melhor projeto para os próximos 10 anos?

Cenário aponta para uma novidade na Prefeitura. Os vereadores Lucas Neves e Jair Júnior são os virtuais caras. Logo, em Lages/SC,
QUASE 13 MIL MULHERES SÃO MÃES SOZINHAS EM LAGES/SC – Mas, essas guerreiras enfrentam com dignidade a tarefa de criação dos filhos.

QUASE 13 MIL MULHERES SÃO MÃES SOZINHAS EM LAGES/SC – Mas, essas guerreiras enfrentam com dignidade a tarefa de criação dos filhos.

Diante dessa realidade, que políticas sociais e de apoio as três esferas de governo tem para alevianar o peso da

Prestação de contas do Fundo Municipal de Saúde fecha com saldo positivo


Esta postagem foi publicada em 16 de março de 2018 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

A soma total das despesas com medicamentos, serviços, materiais, fornecedores e folha de pagamento ficou em R$ 125 milhões

O Conselho Municipal de Saúde de Lages (CMSL) aprovou, por unanimidade, na quarta-feira (14 de março), o relatório anual de prestação de contas do Fundo Municipal de Saúde referente ao ano de 2017. A reunião extraordinária aconteceu no auditório da Secretaria de Saúde.

De acordo com o balanço apresentado, a receita total arrecadada na área da Saúde em Lages foi de R$ 131 milhões, que é a soma dos recursos oriundos da União, Estado e Município. Destaque-se que, embora a legislação federal determine que o Município deva destinar 15% do orçamento total para o setor da Saúde, no ano passado o repasse foi de 21%, mais de R$ 49 milhões.

A soma total das despesas com serviços, materiais, medicamentos, fornecedores e folha de pagamento somou R$ 125 milhões. Também foram quitados outros R$ 8,5 milhões de restos a pagar referente a 2016. Com as contas em dia, o demonstrativo financeiro apontou ainda que o Fundo Municipal de Saúde dispõe de um saldo bancário de R$ 10 milhões para o pagamento dos empenhos já contratados em 2018. “Avalio que isso é resultado de uma gestão eficiente. Os balanços quadrimestrais já demonstravam isso. Que os recursos estão sendo gastos no que é realmente necessário”, avalia o conselheiro da Comissão de Finanças do CMSL, Wilson Urbano.

O balanço aponta que em 2017 foram investidos mais de R$ 4 milhões para a realização de exames em laboratórios, e cerca R$ 582 mil para exames especiais. No Hospital Nossa Senhora dos Prazeres (HNSP), que atende casos de urgência e emergência de alta complexidade, além de consultas, procedimentos cirúrgicos nas áreas de ortopedia, neurologia, cardiologia e leitos de UTI, foram investidos R$ 24,7 milhões. No Hospital Infantil, que atende os casos de urgência e emergência, através do Pronto-Atendimento Médico, ambulatório, cirurgias e leitos de UTI, o Município investiu R$ 9,3 milhões.

Depois da exposição dos números e antes da aprovação, os conselheiros debateram algumas questões, como o grande número de pessoas que faltam nas consultas com especialistas, e também sobre aquelas que não retiram os exames. “Esse é um grande problema. As pessoas precisam se conscientizar que isso é dinheiro público desperdiçado. Tem muita gente aguardando por uma consulta com especialistas, enquanto outros não aparecem no dia marcado. O mesmo acontece com os exames que nunca são retirados”, ressaltou a secretária de Saúde, Odila Waldrich. O balanço geral do Fundo Municipal da Saúde segue agora para o Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE) e para o Tribunal de Contas da União (TCU).

Fotos: Cássia Shelen

 


196 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-