Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
A CIDADE MAIS FRIA E ECOLÓGICA DO BRASIL – Urupema/SC, a terra das araucárias e da neve.

A CIDADE MAIS FRIA E ECOLÓGICA DO BRASIL – Urupema/SC, a terra das araucárias e da neve.

Caminhos da Serra Catarinense - um modelo europeu de rodovias turísticas, onde a paisagem desfila à frente do visitante devido
O QUE ROLA NAS REDES SOBRE POLÍTICA – Veja algumas pérolas do Lula, professor em economia, administração e previdência.

O QUE ROLA NAS REDES SOBRE POLÍTICA – Veja algumas pérolas do Lula, professor em economia, administração e previdência.

  Como se pega a leptospirose e tudo sobre seu "Plano AÇO". E saiba o significado dessa sigla "AÇO". SUGESTÃO DE  LULA
CAMINHOS DA SERRA – Modelo europeu de estradas turísticas

CAMINHOS DA SERRA – Modelo europeu de estradas turísticas

Os projetos financiados pelo BID - Banco Interamericano de Desenvolvimento – seguem o modelo europeu de rodovias turísticas. O asfalto
CÂMARA DE VEREADORES PODE VIR A FAZER ESCOLA/SC – Projetos propõem reduzir para 1/4 salário de vereadores e para metade repasses mensais.

CÂMARA DE VEREADORES PODE VIR A FAZER ESCOLA/SC – Projetos propõem reduzir para 1/4 salário de vereadores e para metade repasses mensais.

Qualquer momento podem entrar na pauta essas medidas que seriam inéditas no País. Em Lages, o vereador passaria a ganhar
BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Raridade sobre a Seleção: vídeo à cores de uma final ganha por mais de 2 gols!

BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Raridade sobre a Seleção: vídeo à cores de uma final ganha por mais de 2 gols!

Raridade entre os clubes brasileiros: vídeo à cores de um título mundial do Santos. Coisa impossível! ...... FRASE DE UM LEITOR AQUI
FUTEBOL SERIA O ÓPIO DO POVO? – O fato é que durante as competições o torcedor esquece as mazelas. Essa aí foi a do último amistoso, contra ao Panamá.

FUTEBOL SERIA O ÓPIO DO POVO? – O fato é que durante as competições o torcedor esquece as mazelas. Essa aí foi a do último amistoso, contra ao Panamá.

    A seleção canelinha de vidro da Copa da Rússia, abaixo, foi um carrossel, mas, rolando no gramado. Resultado: voltamos pra
NOVAS CARAS PARA PREFEITO DE LAGES/SC – Qual delas tem o melhor projeto para os próximos 10 anos?

NOVAS CARAS PARA PREFEITO DE LAGES/SC – Qual delas tem o melhor projeto para os próximos 10 anos?

Cenário aponta para uma novidade na Prefeitura. Os vereadores Lucas Neves e Jair Júnior são os virtuais caras. Logo, em Lages/SC,
QUASE 13 MIL MULHERES SÃO MÃES SOZINHAS EM LAGES/SC – Mas, essas guerreiras enfrentam com dignidade a tarefa de criação dos filhos.

QUASE 13 MIL MULHERES SÃO MÃES SOZINHAS EM LAGES/SC – Mas, essas guerreiras enfrentam com dignidade a tarefa de criação dos filhos.

Diante dessa realidade, que políticas sociais e de apoio as três esferas de governo tem para alevianar o peso da

RETOMADAS OBRAS DO COMPLEXO PONTE GRANDE – Prioridade é o acesso ao Condomínio Ponte Grande


Esta postagem foi publicada em 28 de março de 2018 Notícias em Destaques Slide Topo.

Em entrevista ao eronportal o Secretário de Planejamento e Obras, Clayton Bortoluzzi, deu detalhes sobre o estágio em que se encontram obras da Avenida Ponte Grande. Atualmente estão em andamento os trabalhos de esgoto, terraplenagem e de pavimentação do acesso ao condomínio de assentados, na Várzea. Foram lançadas duas ordens de serviço: a do acesso ao Condomínio Ponte Grande, no valor de R$699. mil e a do esgoto em toda a extensão da Avenida, no valor de R$ 13.08 milhões.

A Secretaria de Comunicação Social da Prefeitura fez um relato sobre os benefícios do projeto à cidade e as opiniões do prefeito Antônio Ceron e do Secretário. Considerada uma das maiores pavimentações na área urbana de Lages. Além da importância social e a mobilidade urbana, o mair objetivo é inteigar mais de 20 bairros, desde o Coral aos bairros Habitação e Caça e Trio. O projeto vai trazer desenvolvimento econômico às regiões interligadas. As obras estão sob a responsabilidade da Focus Engenharia. São 500 metros de extensão entre o condomínio Ponte Grande e a Avenida Álvaro Neri do Santos. Inclui a construção da ponte, terraplenagem e asfaltamento da pista, num coronograma é de quatro meses.

ANEXO

Veja a seguir mais detalhes sobre a obra.

“O maior legado deste projeto é a importância social que a obra representa para o desenvolvimento da nossa cidade. Aqui serão investidos mais de 57 milhões de reais, a fundo perdido, através da Caixa Econômica. E esse valor também significa muito, por isso temos que dar satisfação á sociedade de cada centavo investido.”

A afirmação é do prefeito Antonio Ceron, que na manhã desta terça-feira (01), com a presença de secretários municipais e representantes da Caixa Econômica Federal, assinou as ordens de serviço para retomada de duas importantes etapas das obras do complexo Ponte Grande.

A outra ordem de serviço, corresponde a implantação da rede de esgoto em toda a extensão da avenida Ponte Grande. A obra, que será executada pela STC Engenharia, está orçada em R$ 13.083.185,49 e a previsão é que seja concluída no prazo de 12 meses. De acordo com Jeverton Moraes, engenheiro civil da STC Engenharia, após as chuvas que causaram vários alagamentos na cidade no início do mês de junho, foi realizada uma alteração técnica no projeto, aumentando em um metro da altura das elevatórias, para impedir futuros alagamentos.

“Essa é uma das obras mais complexas que assumimos. Tivemos que fazer inúmeros ajustes e reuniões para poder retomar a obra e assegurar os recursos. Quando estiver concluída vai ser um marco na mobilidade urbana do município”, destacou Clayton Bortoluzzi, secretário de Planejamento e Obras do município. Em breve, deve acontecer o processo de licitação das obras complementares de esgoto e asfaltamento completo da avenida.

Em relação ao condomínio, o secretário de Assistência Social e Habitação, Samuel Ramos esteve em Brasília, na semana passada, para tratar da ocupação das casas, que de acordo com o contrato com a Caixa Econômica Federal, somente poderiam ser ocupadas pelas famílias, cujas casas estivessem no traçado do projeto. “Algumas famílias já foram indenizadas, outras têm uma renda acima do permitido pela Caixa, por isso vamos realocar algumas famílias que já estão cadastradas e dependem de aluguel social”, relatou Samuel.

“O maior legado deste projeto é a importância social que a obra representa para o desenvolvimento da nossa cidade. Aqui serão investidos mais de 57 milhões de reais, a fundo perdido, através da Caixa Econômica. E esse valor também significa muito, por isso temos que dar satisfação á sociedade de cada centavo investido.”

A afirmação é do prefeito Antonio Ceron, que na manhã desta terça-feira (01), com a presença de secretários municipais e representantes da Caixa Econômica Federal, assinou as ordens de serviço para retomada de duas importantes etapas das obras do complexo Ponte Grande.

Uma delas trata do acesso ao condomínio Ponte Grande. O trecho com cerca de 500 metros, entre o acesso ao condomínio e a Avenida Álvaro Neri dos Santos, inclui a construção da ponte, terraplanagem e asfaltamento da pista do acesso. A obra, licitada no valor de R$ 699.207, 85 será executada pela empresa Focus Engenharia, no prazo previsto de quatro meses.

A outra ordem de serviço, corresponde a implantação da rede de esgoto em toda a extensão da avenida Ponte Grande. A obra, que será executada pela STC Engenharia, está orçada em R$ 13.083.185,49 e a previsão é que seja concluída no prazo de 12 meses. De acordo com Jeverton Moraes, engenheiro civil da STC Engenharia, após as chuvas que causaram vários alagamentos na cidade no início do mês de junho, foi realizada uma alteração técnica no projeto, aumentando em um metro da altura das elevatórias, para impedir futuros alagamentos.

“Essa é uma das obras mais complexas que assumimos. Tivemos que fazer inúmeros ajustes e reuniões para poder retomar a obra e assegurar os recursos. Quando estiver concluída vai ser um marco na mobilidade urbana do município”, destacou Clayton Bortoluzzi, secretário de Planejamento e Obras do município. Em breve, deve acontecer o processo de licitação das obras complementares de esgoto e asfaltamento completo da avenida.

Em relação ao condomínio, o secretário de Assistência Social e Habitação, Samuel Ramos esteve em Brasília, na semana passada, para tratar da ocupação das casas, que de acordo com o contrato com a Caixa Econômica Federal, somente poderiam ser ocupadas pelas famílias, cujas casas estivessem no traçado do projeto. “Algumas famílias já foram indenizadas, outras têm uma renda acima do permitido pela Caixa, por isso vamos realocar algumas famílias que já estão cadastradas e dependem de aluguel social”, relatou Samuel.


63 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-