Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
AGORA À NOITE SAÍRAM AS VENCEDORAS DO FESTIVAL “UMA CANÇÃO PARA CRICIÚMA”/SC – Aqui as 3 campeãs, a melhor letra, o melhor intérprete e a melhor torcida.

AGORA À NOITE SAÍRAM AS VENCEDORAS DO FESTIVAL “UMA CANÇÃO PARA CRICIÚMA”/SC – Aqui as 3 campeãs, a melhor letra, o melhor intérprete e a melhor torcida.

JÁ FOI ANUNCIADA A PREPARAÇÃO DA EDIÇÃO DO ANO QUE VEM DESSE ESPETÁCULO QUE MEXEU COM O POVO E MOBILIZOU
DEPUTADO OBTÉM COMPROMISSO DO GOVERNADOR PARA CONCLUSÃO DE OBRAS – Hospital em Lages e Serra do Corvo Branco serão concluídos com recursos próprios.

DEPUTADO OBTÉM COMPROMISSO DO GOVERNADOR PARA CONCLUSÃO DE OBRAS – Hospital em Lages e Serra do Corvo Branco serão concluídos com recursos próprios.

DEMAIS OBRAS DEPENDERÃO DE FINANCIAMENTOS A SEREM BUSCADOS NO ANO QUE VEM, MAS EQUIPAMENTOS DO HOSPITAL TERÃO LICITAÇÃO ANA QUE VEM. Último
NOVA FRENTE PARLAMENTAR VAI CONTRIBUIR COM O MODELO PRODUTIVO CATARINENSE – A Frente do Agronegócio, Turismo Rural e Tradicionalismo é ideia inteligente.

NOVA FRENTE PARLAMENTAR VAI CONTRIBUIR COM O MODELO PRODUTIVO CATARINENSE – A Frente do Agronegócio, Turismo Rural e Tradicionalismo é ideia inteligente.

SANTA CATARINA É MODELO AO BRASIL EM AGROINDÚSTRIAS, COOPERATIVISMO E EQUILÍBRIO SÓCIO ECONÔMICO. O sucesso do setor produtivo catarinense é consequência
NOVO PARTIDO DE BOLSONARO ESTÁ EM ALTA EM SC – Meta é de 1.000 novos membros/dia e diretórios municipais já.

NOVO PARTIDO DE BOLSONARO ESTÁ EM ALTA EM SC – Meta é de 1.000 novos membros/dia e diretórios municipais já.

  "ALIANÇA PELO BRASIL" VIRA O FATO POLÍTICO DA SEMANA E BOMBA NAS REDES SOCIAIS E MÍDIA IMPRESSA DO INTERIOR. Perfil oficial
LANÇADA NOVA FRENTE PARLAMENTAR – A do Agronegócio, Turismo Rural e Cultura Tradicionalista.

LANÇADA NOVA FRENTE PARLAMENTAR – A do Agronegócio, Turismo Rural e Cultura Tradicionalista.

Foi nesta quarta, 13, na ALESC, reunindo representantes destes importantes setores do bem sucedido modelo produtivo catarinense. Na mesa dos trabalhos
OPINIÃO – MINISTRO PAULO GUEDES TEM RAZÃO – A Lei de Responsabilidade Fiscal é inócua sem a cultura da responsabilidade nos gastos.

OPINIÃO – MINISTRO PAULO GUEDES TEM RAZÃO – A Lei de Responsabilidade Fiscal é inócua sem a cultura da responsabilidade nos gastos.

PARA NÓS AQUI DO PORTAL O PODER PÚBLICO JÁ NASCEU COBRADOR DE IMPOSTOS E EXPLORADOR DAS RIQUEZAS NATURAIS E DAS
MUNICÍPIOS SÃO UM FARDO A MAIS PARA O CIDADÃO – Mas só enxugando a folha da Prefeitura e da Câmara já não é preciso incorporação.

MUNICÍPIOS SÃO UM FARDO A MAIS PARA O CIDADÃO – Mas só enxugando a folha da Prefeitura e da Câmara já não é preciso incorporação.

BASTA SUBSTITUIR O LEGISLATIVO POR UM CONSELHO SEM SALÁRIO QUE REDUZ O QUADRO E MELHORA O RESULTADO. OPINIÃO Quando as câmaras de
BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Técnicos param em pé enquanto os jogadores querem. Dos que derrubaram o chefe só as raposas velhas perderam.

BEM HUMORADAS DO FUTEBOL NO PORTAL – Técnicos param em pé enquanto os jogadores querem. Dos que derrubaram o chefe só as raposas velhas perderam.

TÉCNICO DE FUTEBOL ATÉ PARECE MINISTRO DA EDUCAÇÃO: SE O APARELHAMENTO IDEOLÓGICO, OS MANISFESTANTES E OS GREVISTAS RESOLVEREM, DERRUBAM. Como é

O Editorial do Eron Portal – Os fatores para uma inflação histórica


LOGOMARCA-ERON-PORTAL-GRANDE
Esta postagem foi publicada em 12 de dezembro de 2017 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

O índice histórico da inflação desde quando foi implantado o Plano Real (0,28% em novembro) já sinaliza para uma inflação anual em torno de 3%, a meta do governo.

O IPCA do ano deverá ser o menor desde 1998. E segundo os técnicos, a previsão para 2018 é de um índice em torno de 4%, “uma inflação comportada”.

Isso quer dizer que na próxima reunião do COPON – Comitê de Política Monetária – em fevereiro, o colegiado pode reduzir ainda mais taxa básica da inflação, hoje em 7%aa. Essa é a SELIC – Taxa de Financiamento no Mercado Interbancário para Operações de um dia.

A previsão de uma inflação um ponto percentual mais baixa este ano em relação à previsão para ano que vem, tem relação com vários fatores favoráveis. Inclusive com a deflação dos alimentos em novembro.

Dificilmente haverá um ano tão favorável para a inflação baixa. O clima e até o Universo (efeito Carne Fraca) conspiraram a favor.

Senão, vejamos: produção recorde das safras, comportamento equilibrado do clima, crise da carne frasca que inundou o mercado com proteína animal, queda nos preços do petróleo e a nova política de preços dos combustíveis, gás e energia elétrica. Sem esquecer o efeito psicológico da ruptura no ciclo do PT.

Uma tese é a de que o PT foi protagonista de um governo gastador, inconseqüente, propagador de falsos milagres e criador de acomodados e dependentes da renda mínima. Esses irão ser órfãos com a morte do Programa Bolsa Família, se não for resolvido o déficit público com um ajuste fiscal para uma Economia mais saudável e realista.

O Governo Temer, bem ou mal, tem contribuído para o ajuste fiscal e uma redução de gastos em torno de R$ 480 bilhões. Iniciou as reformas pela Trabalhista e agora está em pauta a da Previdência, mais propalada como “reforma dos privilégios”. O mercado sempre é vigilante em relação aos maus gastos do poder público.

Os méritos do governo também são decorrentes da habilidade para adular e usar bem os espaços e as emendas, paixão dos parlamentares no Congresso. Isso resultou em capital político e votos para as PEC’s. E aí também entra o efeito Meireles.

Segundo experimentados economistas, não há perspectiva de qualquer pressão significativa para cima na inflação, ano que vem. Contudo, eu creio que não seja prudente se deitar sob os louros do cenário atual. É bom continuar com a vigilância e com as reformas. Então, reforma dos privilégios já!

 


226 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-