Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Nenhum banner para exibir

Anunciar Empresa
DIZ O POETA, MAIS OU MENOS ASSIM: “O SER HUMANO É UM ANJO DE UMA ASA SÓ ; VOA MAIS ALTO E MAIS LONGE SE FOR EM DOIS”.

DIZ O POETA, MAIS OU MENOS ASSIM: “O SER HUMANO É UM ANJO DE UMA ASA SÓ ; VOA MAIS ALTO E MAIS LONGE SE FOR EM DOIS”.

ESSA TEORIA POÉTICA NÃO ENCONTRAMOS SÓ NOS RELACIONAMENTOS DA CORTE AMOROSA, MAS, TAMBÉM, NOS DA PROFISSÃO, DOS NEGÓCIOS, DO PODER
VEJA AQUI SOLUÇÕES QUE A NOVA REALIDADE EXIGE – O caminho mais curto para o sucesso administrativo com mais otimização no uso do dinheiro.

VEJA AQUI SOLUÇÕES QUE A NOVA REALIDADE EXIGE – O caminho mais curto para o sucesso administrativo com mais otimização no uso do dinheiro.

UM ACHADO PARA GESTORES PÚBLICOS ALEVIANAR A MÁQUINA E AS FOLHAS DE PESSOAL, ATIVOS E INATIVOS. É um modelo de empresa
FLAMENGO FORMA UM MEGA TIME E CRUZEIRO ACERTA REDUÇÃO DE SALÁRIOS – Super Raposas Velhas estão sendo recolocadas.

FLAMENGO FORMA UM MEGA TIME E CRUZEIRO ACERTA REDUÇÃO DE SALÁRIOS – Super Raposas Velhas estão sendo recolocadas.

ENQUANTO CRUZEIROS SE PREPARA PARA A SÉRIA "B", FLAMENGO APRESENTA REFORÇO MICHAEL E ENCAMINHA RENOVAÇÃO DE GABIGOL O Flamengo já encaminhou
O MUNDO É BONITO! – Pena que ficamos por aqui no máximo uns 100 anos…

O MUNDO É BONITO! – Pena que ficamos por aqui no máximo uns 100 anos…

UM DOS SANTUÁRIOS ECOLÓGICOS DE SANTA CATARINA: MORRO DOIS DEDOS, EM TREVISO/SUL DE SC. Um pé com dois dedos, canto superior,
SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL A TODO VAPOR EM 2020 – Domingo comemorações e segunda oportunidades.

SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL A TODO VAPOR EM 2020 – Domingo comemorações e segunda oportunidades.

ALMOÇO DOS ATIVOS NO DOMINGO E APRESENTAÇÃO DE OPORTUNIDADES E RECONHECIMENTOS NA SEGUNDA: AGENDA CHEIA. Neste domingo, 12, o Sistema Forever
PARTIDO ALIANÇA PELO BRASIL COMEÇA PELO SUL EM SC – Forte líder regional foi convidado para comandar o processo de formação da sigla.

PARTIDO ALIANÇA PELO BRASIL COMEÇA PELO SUL EM SC – Forte líder regional foi convidado para comandar o processo de formação da sigla.

PORTANTO, EM SC O PARTIDO DE BOLSONARO COMEÇA ONDE JÁ CONTA COM BOA REPRESENTATIVIDADE DEVIDO A TRABALHOS ANTERIORES. Julio Lopes, pai
EM TEMPOS DIFÍCEIS RETIRE O “S” DA CRISE E CRIE – Veja a criatividade do brasileiro na busca do sucesso.

EM TEMPOS DIFÍCEIS RETIRE O “S” DA CRISE E CRIE – Veja a criatividade do brasileiro na busca do sucesso.

"- VAI AÍ UM CHOCOLATE COM SABOR DE ESSÊNCIAS TÍPICAS DO SUL?" A loja DIANA é mais um exemplo de criatividade. Sem
PELÉ: UM ANO LUZ NA FRENTE – Nos tempos de Santos as viagens eram de táxi.

PELÉ: UM ANO LUZ NA FRENTE – Nos tempos de Santos as viagens eram de táxi.

IMAGINA SÓ OS SUPER CRAQUES ATUAIS VIAJANDO EM 5 TÁXIS! OU TREINAREM NUM POTREIRO, AO LADO DE VACAS, DURANTE O

O COMENTÁRIO DO ERON – porque perdermos a capital nacional do turismo rural?


Esta postagem foi publicada em 28 de julho de 2017 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

Andei analisando e tentando entender porque perdemos o título de Capital Nocional do Turismo Rural. Foi difícil encontrar alguma explicação. O mais provável deve ter siso a incompetência e a falta de visão: pensamento pequeno.

Ao entrevistar o Matias Liz dos Santos, profundo conhecedor do Turismo, comecei a entender um pouco as razões. É aquele negócio do cara que conseguiu clientes demais e acha que não precisa mais de propaganda.

Se estiver sobrando cientes não deixe se formar fila, contrate mais gente, amplie os espaços e atenda o pessoal. Custa caro trazer clientes para o estabelecimento. Fazer sucesso às vezes é fácil, manter-se nele é difícil.

No caso do Turismo Rural não deve ter sido só a falta de um atendimento mais profissional. O mais provável foi o descaso mesmo. Devem ter pensado pequeno, não apoiaram ações como as que o Matias Liz participava lá fora, falando do Turismo Rural da Festa do Pinhão. Negligenciaram e nem profissionalizaram o Trad.

Havia gente do setor que nem gostava de turistas. Empreendedores que chegaram a me dizer: não precisamos mais de divulgação, não conseguimos atender nem o que já temos. A ABRATUR morreu e o turismo se enfraqueceu.

Também deve ter faltado uma cultura voltada ao Turismo e entender que os lá de fora têm mais cacife para oferecer atendimento de Primeiro Mundo.

Não acredito que perdemos o título de Capital Nacional do Turismo Rural porque ela era falsa, Tabajara, inventada por nós mesmos, portanto, que não valia mais do que 1,99. Éramos a capital porque temos alguns diferenciais, entre eles, a Natureza, a Cultura e a História.

Eu temo que o próximo título a perdermos seja o da Festa Nacional do Pinhão. Já vi na TV uma festa do gênero na Grande São Paulo, onde não deve haver amais de 500 araucárias, que reuniu 500 mil pessoas. Garanto que vieram buscar pinhão aqui em Lages.

Nessa última Festa do Pinhão fui apanhar as credenciais dos dois repórteres que iriam cobrir a fasta aqui para o SITE. Só liberaram a minha, que entreguei a um deles. Disseram que a festa não precisava de mais de divulgação.

Fui lá apenas uma noite. Paguei o ingresso porque acho o correto. Continuem perdendo cabeças e parceiros e também o que já conquistamos e que nos é muito caro. Eron J Silva.

ERON

 


349 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-