Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
O MUNDO ESTÁ CHEIO DE TALENTOS EM TODAS AS ÁREAS – Mas poucos fazem a diferença e potencializam efeitos.

O MUNDO ESTÁ CHEIO DE TALENTOS EM TODAS AS ÁREAS – Mas poucos fazem a diferença e potencializam efeitos.

Na vida pública é bem assim. Toda eleição nós elegemos gente nas três instâncias de poder, mas poucos fazem história.
REFORMA TRIBUTÁRIA SERÁ MAIS OU TÃO IMPORTANTE QUANTO À DA PREVIDÊNCIA – Os efeitos da Tributária serão imediatos e os da Previdência no longo prazo.

REFORMA TRIBUTÁRIA SERÁ MAIS OU TÃO IMPORTANTE QUANTO À DA PREVIDÊNCIA – Os efeitos da Tributária serão imediatos e os da Previdência no longo prazo.

Se a Reforma da Previdência já está impactando nos mercados, imagina somada com os efeitos imediatos da reforma Tributária! Com a
ESTA SEMANA CRICIÚMA/SC DÁ A LARGADA NAS COMEMORAÇÕES DOS 140 ANOS – Prefeitura e Fundação Cultural vão desenvolver seis meses de programação.

ESTA SEMANA CRICIÚMA/SC DÁ A LARGADA NAS COMEMORAÇÕES DOS 140 ANOS – Prefeitura e Fundação Cultural vão desenvolver seis meses de programação.

A largada será nesta terça, 16, na Rádio Som Maior, programa Adelor Lessa, às 7:30h. Dia de Criciúma: 06 de janeiro. Serão
UDN ESTADUAL COMEÇA A ANUNCIAR EXECUTIVAS MUNICIPAIS EM SC – Aqui no Estado o partido começou forte no Sul. De lá é o Presidente Estadual do partido.

UDN ESTADUAL COMEÇA A ANUNCIAR EXECUTIVAS MUNICIPAIS EM SC – Aqui no Estado o partido começou forte no Sul. De lá é o Presidente Estadual do partido.

Recentemente a UDN realizou um encontro histórico em Criciúma. Reuniu representantes de 42 municípios da AMESC, AMREC e AMUREL. O evento
É URGENTE A REDUÇÃO DE GASTOS DA UNIÃO COM SERVIDORES E EQUACIONAR A PREVIDÊNCIA E AS CONTAS DE ESTADOS E MUNICÍPIOS – Para equilibrar a máquina do Estado é preciso gastar melhor o dinheiro e cortar o funcionalismo ineficiente.

É URGENTE A REDUÇÃO DE GASTOS DA UNIÃO COM SERVIDORES E EQUACIONAR A PREVIDÊNCIA E AS CONTAS DE ESTADOS E MUNICÍPIOS – Para equilibrar a máquina do Estado é preciso gastar melhor o dinheiro e cortar o funcionalismo ineficiente.

A Reforma Administrativa será tão polêmica e complicada quanto à da Previdência. A oposição certamente vai querer manter privilégios e os quadros
NOSSA MISÉRIA E A NOSSA IGNORÂNCIA TEM ORIGEM – No modelo e na filosofia da colonização que recebemos.

NOSSA MISÉRIA E A NOSSA IGNORÂNCIA TEM ORIGEM – No modelo e na filosofia da colonização que recebemos.

"MEDE-SE A MISÉRIA E A IGNORÂNCIA DE UM POVO PELO TAMANHO DA TORRE DA IGREJA"/GANDHI. Há quem diga que a diferença
OPOSIÇÃO RODARIA NUMA PROVA SOBRE ARRECADAÇÃO – Derrapou feio na tranquila pista do número mágico do trilhão: entendeu como receita.

OPOSIÇÃO RODARIA NUMA PROVA SOBRE ARRECADAÇÃO – Derrapou feio na tranquila pista do número mágico do trilhão: entendeu como receita.

Reforma não será fonte de receita e sim uma fórmula para não entrar no limite do cheque ou do cartão
BEM HUMORADAS DO PORTAL SOBRE AS VOTAÇÕES DA PREVIDÊNCIA – Do imortal Ulysses: “estamos quase roucos de tanto ouvir discursos”. Aqui do Portal: já estamos roucos de tanto ouvir discursos doidos da oposição!

COLUNA ERON J. SILVA DESTA SEMANA – O destaque é a Coxilha Rica seleiro de grãos. E não chega aos 20% legais.


1-Coxilha Rica
Esta postagem foi publicada em 13 de dezembro de 2018 Coluna Eron J. Silva, Destaques 1, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo.

OS 30 MIL HECTARES AGRICULTÁVEIS NÃO CHEGAM AOS 20% LEGAIS. ÁREA DE PRESERVAÇÃO É ACIMA DE 80%.

Coxilha Rica deve ser o novo celeiro de grãos.

Vamos aso fundamentos disso:

A Região Serrana é a última fronteira agrícola do estado e pode produzir grãos para todo o nosso agronegócio. São cerca de 30 mil hectares de terras agricultáveis, parte já produzindo e com um asfalto quase pronto até lá. Contudo, é preciso uma conciliação de interessas entre a agropecuária e os órgãos ambientais para que se possa tirar riquezas dessas terras sem comprometer o ambiente nem ferir a Lei. Pelo que apuáramos junto a autoridades da agropecuária, na Coxilha a produção nem atingirá a área dos 20% de Lei. Já uma das teses dos organismos ambientais é a de que produzir grão por lá fere de morte o campo nativo. Temos que ir atrás dos fundamentos científicos disso.

 

comandante moisés

Comandante tem experiência em gestão pública

Dos 4 fenômenos de votos a governador, o eleito em SC, comandante Moisés, deverá ser o único a transitar tranquilo na condução do Estado e até surpreender. Só ele já tem experiência em gestão pública porque foi comandante, enfrentou o fogo e forjou o perfil mais adequado para a nova missão. Sempre gerenciou crises, catástrofes, tragédias e infortúnios. A começar pelo cumprimento da palavra já anima: disse que iria reduzir de 15 para 10 as secretarias e extinguir as 20 ADRs. Tudo deverá estar no projeto que enviará à ALESC. E o modelo catarinense também ajuda: cooperativas, agroindústrias, alto in disse de empresas individuais, descentralização universitárias e demografia equilibrada. Aqui se o governo não atrapalhar já estará ajudando. O Estado anda com as próprias pernas. Já não é o caso das novidades do RS, RJ e MG, cuja tendência é o fiasco, o fracasso. Esses estados estão com dívidas bilioinárias, salários atrasados, violência crescente e máquina inchada de gente que se sentem dona da coisa pública. Por maiores sumidades que sejam em suas áreas, não é como na gestão pública. Vão esbarrar na inoperância, no engessamento e no emperramento. Aguarde e verás!

 

bolsonaro

Novo presidente está habilitado a tomar posse

De 8 segundos na Tv, uma facada, transmissões pelas redes direto do hospital e de casa, à diplomação de presidente eleito. Esta foi a façanha de Jair Bolsonaro, que toma posse em 1º de janeiro como presidente do Brasil. Ao discursar na diplomação, disse que governará para todos, crente na liberdade, respeito à Constituição, sem distinção de origem social, raça, sexo, cor, idade ou religião. Disse ainda que não precisou de intermediários – grandes partidos ou mídias tradicionais – para chegar. Falou com o eleitor pelas plataformas digitais, com apenas oito segundos no horário eleitoral do 1º turno, com uma facada na barriga e fazendo campanha direto do hospital e depois de casa. Agra e residente de 210 milhões de brasileiros.


810 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-