Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

O PARLAMENTAR ENTENDE QUE A POPULAÇÃO DE TODO O ESTADO NÃO PODE CONTINUAR PAGANDO POR UMA OBRA INÚTIL E QUE
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

ESTÁ EM ANDAMENTO A CPI DA PONTE HERCÍLIO LUZ, QUE  INVESTIGA SUSPEITA DE MAU USO DO DINHEIRO PÚBLICO EM CONTRATOS
NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

QUE TAL COMEÇAR A SE PENSAR EM MUDAR A CAPITAL PARA O CENTRO DO ESTADO? Nem foi concluída a reforma da
PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

COMEÇAM AUDIÊNCIAS PÚBLICAS E VOTAÇÕES SÃO PREVISTAS PARA 5 DE SETEMBRO E 10 DE OUTUBRO. Já é certa a edição na Casa
SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SÃO MODERNOS RECURSOS PARA VOCÊ MANTER SUA PELE SEMPRE JOVEM,  SAUDÁVEL, BEM ACESSÍVEIS E SUSTENTÁVEIS. Os produtos Forever são concebidos a
DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

A ideia da mudança da estrutura administrativa da capital para o interior chegou até a constar das disposições transitórias  da
QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

CLARO QUE VAMOS PRESERVARA A AMAZÔNIA E QUE PRECISAMOS DE RECURSOS, MAS, NOSSA DIGNIDADE E SOBERANIA NÃO TEM PREÇO. Isso é
ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

Tem inicio hoje a série “ESPAÇO MUNICIPAL”. Objetivo é mostrar as potencialidades e os fatos marcantes dos municípios de nossa

COLONIZAÇÃO NORTE AMERICANA FOI BASEADA NO TRABALHO – Não foi uma colonização só por católicos


velho oeste americano
Esta postagem foi publicada em 12 de julho de 2018 Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo.

DIFERENÇAS ENTRE LÁ EM CIMA E AQUI EMBAIXO

Ao analisarmos as colonizações da América do Norte a do Sul, vamos constatar alguns fatores que contribuíram para que o Hemisfério Norte, da mesma faixa vertical do Planeta, esteja tão distante, econômica e socialmente, do Hemisfério Sul, especialmente em relação ao Brasil.

É que enquanto a América do Sul, especialmente o Brasil, foi colonizada com o ensinamento de que dos pobres será o Reino dos Céus, lá em cima a determinação foi a de construir nações ricas, até mesmo como explica a bíblia, na parábola dos talentos.

Vamos a algumas comparações em certos  aspectos:

Aqui na América do Sul as povoações foram surgindo ao redor das igrejas. Naturalmente, os templos foram localizados no melhor ponto da localidade. A igreja, sempre grande e com um sino que ensurdece qualquer  um que estiver muito perto. Em termos de economia e negócios, apenas o estritamente necessário para um mínimo de esforço no trabalho da população.

Já, na América do Norte, as cidades surgiram com a mentalidade olhando para o futuro. Geralmente as povoações começaram assim:

Duas ruas em “L”. No ponto central estava uma praça, um armazém com ferramentas, outras ferragens, mantimentos, sementes, gêneros alimentícios básicos, tecidos e bebida.

Ao lado, estava o saloon, com amplo espaço para os homens se divertir, tomar Whisky e namorar. No piso superior estavam as mulheres bonitas…

Em frente, havia um pátio para os briguentos ou bandoleiros fazer duelo. No outro lado, estava o escritório do xerife e a cadeia.

A igreja, com um sino bem discreto, geralmente ficava lá longe, onde as pessoas iam rezar.

PRINCIPAIS fatores econômicos e de produção nos Estados Unidos: criar, plantar, colher, estudar para o conhecimento.

PRINCIPAIS fatores econômicos e de produção no Brasil: extrair, explorar, festar, celebrar e comemorar a chegada da sexta-feira. E um pouco de trabalho, é claro.

Deu nisso: uma potência lá, que manda no mundo e aqui, que obedece e depende. Dependente – lá de cima – e até da ajuda de Deus…

“Quanto mas alta a torre da igreja, mais profundas a miséria e a ignorância de um povo”.


82 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-