Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
ELE NASCEU E RESSUSCITOU NOS LUGARES MAIS HUMILDES – É tempo de preparação para o Natal.

ELE NASCEU E RESSUSCITOU NOS LUGARES MAIS HUMILDES – É tempo de preparação para o Natal.

  A COMEÇAR REFLETINDO SOBRE OS FUNDAMENTOS DE SUA PREGAÇÃO: AMOR AO PRÓXIMO, HUMILDADE, SOLIDARIEDADE, PERDÃO... Jesus Cristos pregou só três anos
BEM HUMORADAS DO PORTAL – O tempo em que o gato apanha do rato e o homem quer andar fora do curso natural.

BEM HUMORADAS DO PORTAL – O tempo em que o gato apanha do rato e o homem quer andar fora do curso natural.

SÓ FALTA O CACHORRO CORRER DA LINGUIÇA COMO DIRIA O FELIPÃO.             ...............................................................................................................................................................................................   O QUE JÁ DEMOS ANTES AQUI:   FLANELINHAS SE ESPECIALIZAM APARA TOMAR
ENCONTRO DE CONFRATERNIZAÇÃO NO 6′ BPM – Reserva Remunerada realiza o Carreteiro “RR”.

ENCONTRO DE CONFRATERNIZAÇÃO NO 6′ BPM – Reserva Remunerada realiza o Carreteiro “RR”.

NESTE FERIADO DA PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA A RESERVA REMUNERADA DO 6' BPM REALIZOU SEU ENCONTRO ANUAL DE CONFRATERNIZAÇÃO. O encontro reúne
VEREADOR SUGERE UMA FÁBRICA NO PRESÍDIO – Contou com a unanimidade dos colegas e vai ter apoio também na ALESC.

VEREADOR SUGERE UMA FÁBRICA NO PRESÍDIO – Contou com a unanimidade dos colegas e vai ter apoio também na ALESC.

OUTRA IDEIA POSITIVA DO VEREADOR OSNI FREITAS BUGRE FOI A DA CRIAÇÃO DE UMA UNIDADE DO CEASA EM LAGES.   https://www.youtube.com/watch?v=_c_6otBaWqs&feature=youtu.be ESSA IDEIA
UM DEPUTADO BEM SUCEDIDO NAS URNAS – Vereador Bugre/PDT mostrou força a seu deputado.

UM DEPUTADO BEM SUCEDIDO NAS URNAS – Vereador Bugre/PDT mostrou força a seu deputado.

A SERRA CATARINENSE É A REGIÃO DE BAIXA DENSIDADE ELEITORAL, AS MAIORES DISTÂNCIAS E ONDE FALTA ATÉ INFORMAÇÃO SOBRE A
AS BEM HUMORADAS DA POLÍTICA – Nesta campanha eleitoral o WhatsApp sepultou o “satinho”.

AS BEM HUMORADAS DA POLÍTICA – Nesta campanha eleitoral o WhatsApp sepultou o “satinho”.

PARA DESESPERO DAS GRÁFICAS A SELFIE TOMOU CONTA DAS CENAS NAS RUAS DO PAÍS. O FUNDO DE FINANCIAMENTO E O
EX-PREFEITA DE BOMBINHAS VIRA DEPUTADA – Líderes do PDT de Lages agora tem sua representante na ALESC.

EX-PREFEITA DE BOMBINHAS VIRA DEPUTADA – Líderes do PDT de Lages agora tem sua representante na ALESC.

DESTA VEZ O PDT DA SERRA TEVE EM QUEM VOTAR PARA DEPUTADA ESTADUAL: ANA PAULA DA SILVA. Atendendo a pedidos de
REVELAÇÃO DE NOVOS TALENTOS – Em tempos de tanta violência também há quem estimule a sensibilidade humana!

REVELAÇÃO DE NOVOS TALENTOS – Em tempos de tanta violência também há quem estimule a sensibilidade humana!

LAGES/SERRA CATARINENSE - O CONSERVATÓRIO DE MÚSICA VANDERLEI XAVIER É UM NINHO DE NOVOS E TALENTOSOS ARTISTAS E TAMBÉM DE

CAUSOS DO SUL – A saia justa da guria dançadeira de bailões e as proezas do Boi de Botas.


FOTO ERON  CAPA
Esta postagem foi publicada em 1 de novembro de 2018 Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

ESCORREGOU PELA PERNA A ROUPA DE BAIXO DA PRENDA QUE DISSE QUE ERA A CAPA DA GAITA.

 

CAPA DA GAITA

Antigamente {até mesmo hoje} no interior do Sul as mulheres faziam a roupa de baixo com tecido de algodão, aquele das sacas de açúcar, sal ou farinha. Algumas até conservavam a marca Mossoró.

Num baile da região da Serra Catarinense, a moça mais dançadeira da redondeza usava a roupa de baixo presa na cintura com um cordão, arrematado com um tope, no lado.

As marcas vinham uma atrás da outra, como punhaladas de canhoto. Era só chote, vanerão e rancheira de arrombar.

A gura se entreverou na dança e parecia um pião: rodava para os dois lados.

Numa daquelas, desprendeu-se a peça da cintura e escorregou perna abaixo. Mas ela não se apertou: com o bico da bota, jogou a calcinha para o gaiteiro, e gritou: Olha a capa da gaita, Tio Nelo!


 

CONFLITO DE CULTURAS:

BOI DE BOTAS E A UNIVERSIDADE DE BOSTON

 

Um “Boi de Botas” interpretando ao pé da letrar: Universidade de Boston.

Um Boi de Botas que acabara de chegar do Estado Unidos, exibia uma camiseta com uma estampa criada por ele mesmo, inspirada numa que viu por lá.

Ao visitar a Universidade de Boston, viu os acadêmicos usando uma camiseta com a estampa: Universidade de Boston.

Gostou barbaridade e quando chegou a Porto Alegre, mandou preparar uma pra ele com a inscrição: Universidade de Merdon!

 

ORIGEM DA EXPRESSÃO BOI DE  BOTAS

Boi de Botas é a designação do serrano de Santa Catarina – especialmente de Lages – pela valentia demonstrada na Revolução Farroupilha.

As tropas de David Canabarro passaram pela Serra Catarinense, onde reconheceram a proclamação da República Juliana de Lages. Desceram a Laguna, onde já estavam Giuseppi Garibaldi e Anita Garibaldi para comandar as tropas em novas batalhes planejadas.

A certa altura, atolou na lama um canhão puxado por bois. Um pelotão de lanceiros lageanos resolveu a parada: desatolaram a arma demonstrando enorme força e bravura.

Assim exclamou o comandante farrapo: “- Esses lageanos forcejam feito bois de botas!”

Estava criando o designativo do peão de estância serrano, que geralmente é mais grosso que dedo destroncado.

…..

AS PROEZAS DO BOI DE BOTAS

Veja aqui os causos mais engraçados do Brasil. Isto acontece no Sul e as histórias são todas verídicas oris. Você vai dar gaitadas de risos!

……

BOI DE BOTAS NOS ESTADOS UNIDOS

Um conhecido Boi de Botas de Lages recebeu a visita de um amigo, que recém chegara dos Estados Unidos. Vestia uma camiseta com a inscrição no peito: “Universidade de Boston”. O Boi de Botas não deixou por menos: mandou estampar uma camiseta com a inscrição: “Universidade de Merdon”.

Tirados de uma charge do  livor de Barbosa Lessa, folclorista e estudioso da cultura do Rio Grande do Sul, reeditada em meus causos dos tempos de Jornal a Notícia/Joinville-SC.

 

AS MELHORES HISTÓRIAS FOLCLÓRICAS E REAIS DA REGIÃO DA SERRA CATARINENSE.

 

PESCARIA NO PANTANAL

Uma turma de um dos estados do Brasil {parece-me que bem de perto da SC} todo ano vai pescar no Pantanal do Mato Grosso.

Dizem que o grupo reúne empresários, profissionais liberais e até alguns políticos.

Só que a única coisa que parece que não fazem no Pantanal é pescar. Seria só um pretexto. O negócio, mesmo, é fazer folia e se divertir.

Também dizem que no meio da viagem há até um estabelecimento especializado em fornecer peixe, arranjar caixa de isopor para conservá-lo, tudo com muito sigilo.

Desconfiadas, as esposas desses amigos começaram a se movimentar e pressionar para participar da próxima pescaria. Uma ligava para a outra sugerindo a ideia.

Os “pescadores” se reuniram para debater o assunto. Chegaram à conclusão de que não daria nada. Elas iriam perceber que não passava de pescaria mesmo. Uns sugeriram para esquecer o repelente de mosquito, que nunca mais iriam querer pescar.

E lá se foram para a pescaria.

Acontece que o final da viagem é por água. Uma Chalana, espécie de balsa, um verdadeiro hotel flutuante, leva o pessoal por cerca de 300 quilômetros Pantanal acima.

Não contavam com um detalhe: por azar, nessa viagem, o balseiro era o mesmo da pescaria anterior.

Já na chegada, com as esposas entreveradas na turma, ouviram do balseiro:

– Nossa! Não dava pra arrumarem umas mulheres um pouco melhores? As gatas da pescaria anterior davam de 10 a zero nessas aí!

……….

 

 

COMPADRE E A COMADRE

Tomar um chimarrão ou ir pra cama?

 

Um compadre foi visitar o outro, mas, deu com os burros n’água. O compadre viajou e só voltaria muito tarde.

A comadre sugeriu que esperasse, enquanto colocariam a conversa em dia.

Ficaram aguardando e nada do compadre chegar.

Quando viu que o homem, não vinha mais e já passava da meia noite, disse:

Comadre, agora ficou tarde, nem dá mais para eu ir embora. Temos duas saídas:

tomar um baita dum chimarrão, ou ir para a cama, dormir.

Ela…

Compadre do céu, não é que me pegou sem erva!…

 

Os compadres bêbados

Dois compadres, bêbados, iam para casa, medindo a rua, cambaleando de um lado para outro.

De repente um deles disse:

– Compadre de Deus, nem te conto. Não é que descobri que o Diabo existe mesmo. Agora tenho certeza disso!

O outro bêbado:

– Como descobriu?

Resposta:

– Eu vi um. E por sinal deve ser casado, porque tem Chifres.

………

FASES DA IDADE DA VIDA DO HOMEM E DA MULHER DO SUL.

As características das fases da idade do homem:

As fases da idade do homem e seus hábitos alimentares relacionados aos dos animais.

Veja em qual fase de idade você se encaixa
Dos 18 aos 21 anos – Idade do Urubu: não escolhe muito;

Dos 22 aos 25 anos – Idade da Engorda: só quer encher a barriga, não é muito seletivo;

Dos 26 aos 35 anos – Idade do Suíno: muito relaxado, come e vira o cocho. É Homem DVD: logo após virar o cocho, Deita, Vira e Dorme;

Dos 36 aos 45 – Idade da Águia: precisa se reciclar e se reinventar. Como não sabe muito bem o que quer, vive se isolando e se separando, tentando escolher outro prato;

Dos 46 aos 55 – Idade do Papagaio: fala muito e não come quase nada. Só faz muita algazarra.

Dos 56 aos 70 – A Idade do Lobo Mau: corre o dia inteiro atrás do Chapeuzinho Vermelho e à noite vai pegar a Vovozinha!

Dos 70 anos em diante – A idade  do condor: com dor aqui…com dor ali…

FASES DA IDADE DA MULHER

As fases da idade da mulher, relacionadas aos Continentes.

Veja em qual delas a princesa aí se encaixa:

Dos 18 aos 21 anos – É a Oceania: já sabe muita coisa, mas ainda precisa aprender muito;

Dos 22 aos 30 anos – É a África: fogosa, ansiosa, e um pouco inconsequente;

Dos 31 aos 36 anos – É a América: altamente técnica, competente e poderosa;

Dos 37 aos 45 – É a América Latina: sempre explorada, sofrida, machucada e sempre em crise de relacionamento e existencial;

Dos 46 aos 55 anos – É a Ásia: misteriosa, místicas, religiosa e já começa a pensar nas pantufas e no edredom;

Dos 56 em diante – É a Europa: metida a boa, mas bombardeada e desiludida. E ainda é obrigada a cuidar dos refugiados e se protegendo dos extremistas do Estado Islâmico!

……

BOI DE BOTAS RECEBENDO HOMENAGEM

Um Boi de Botas de um município da região foi homenageado na Câmara de Vereadores com o Título de Cidadão. Na sessão solene o vereador autor do projeto, também legítimo Boi de Botas, da mesma localidade do novo cidadão, foi fazer o discurso e pagou o maior mico até hoje.

Exibindo o Diploma, disse: – “- que o homenageado, meu cabo eleitoral, compadre e vizinho, leve este Diploma como um prêmio por ter tido a coragem de vir morar neste município”.

Percebendo a gafe, emendou: “- porque quando ele chegou aqui isto era um sertão. Ali onde está a igreja matriz era um pinhal (floresta de araucárias). Peguei muitos veados por ali”.

Aí um personagem folclórico da platéia – daqueles que sempre existem em toda cidade que se preze – acrescentou: “- e ainda pega, de vez em quando!”

……….

O BOI DE BOTAS INAUGURANDO O CAVALÓDROMO

Um Boi de Botas de um município da região reivindicou ao seu vereador a construção de um Cavalódromo. Tratava-se de um local com estrutura, segurança e trato para os animais do pessoal que vem do sítio. O vereador entrou com um projeto e a Câmara aprovou por unanimidade.

O prefeito realizou a obra em tempo recorde. Na inauguração, fez um discurso mais ou menos assim:

“Uma sarva de parma pro vivente que corto as maderas; uma sarva de parma pro carpintero da obra; uma sarva de parma  pro gamelero que  fez o cocho de madera de cedro; uma sarva de parma pro encanadô que instalô a tornera”.

De salva em salva, chegou ao fim do discurso. Não tendo mais assunto, deu uns três ou quatro passos até a torneira, tomou três goles d’água e disse: “Pronto, está inaugurado!”.

Esse mesmo prefeito já havia inaugurado um banheiro carrapaticida para o gado. Ao chegar ao local, deu uma bronca no chefe e gabinete:

“Não te disse pra me trazê um “carção” pra mim inaugurá esse diacho de banheiro?”

 


75 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-