Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook Twitter email

Anunciar Empresa
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ/SC – Jessé Lopes/PSL, é da CPI que investiga suspeitas de irregularidades na reforma dessa ponte.

O PARLAMENTAR ENTENDE QUE A POPULAÇÃO DE TODO O ESTADO NÃO PODE CONTINUAR PAGANDO POR UMA OBRA INÚTIL E QUE
DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

DEPUTADO SUGERE IMPLOSÃO DE PONTE EM FLORIANÓPOLIS/SC – “Se for corrigido o que já foi gasto em reformas, o montante passará de R$ 1 bilhão”.

ESTÁ EM ANDAMENTO A CPI DA PONTE HERCÍLIO LUZ, QUE  INVESTIGA SUSPEITA DE MAU USO DO DINHEIRO PÚBLICO EM CONTRATOS
NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

NEM FOI CONCLUÍDA A REFORMA DA PONTE HERCÍLIO LUZ E AS OUTRAS JÁ ESTÃO LARGANDO PEDAÇOS – Está na hora de parar de gastar com pontes em Florianópolis.

QUE TAL COMEÇAR A SE PENSAR EM MUDAR A CAPITAL PARA O CENTRO DO ESTADO? Nem foi concluída a reforma da
PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

PEC DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO SENADO – Tendência é qualquer inclusão ocorrer por PEC Paralela.

COMEÇAM AUDIÊNCIAS PÚBLICAS E VOTAÇÕES SÃO PREVISTAS PARA 5 DE SETEMBRO E 10 DE OUTUBRO. Já é certa a edição na Casa
SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SISTEMA FOREVER ÁGUIAS BRASIL DE CRICIÚMA – Treinamento foca nova revolução em produtos para a pele.

SÃO MODERNOS RECURSOS PARA VOCÊ MANTER SUA PELE SEMPRE JOVEM,  SAUDÁVEL, BEM ACESSÍVEIS E SUSTENTÁVEIS. Os produtos Forever são concebidos a
DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

DISCUSSÃO SOBRE PONTES REACENDE IDEIA DA MUDANÇA DA CAPITAL – Qual a solução ideal? Gastar dinheiro com pontes, privatizá-las, ou a mudança da administração para o interior?

A ideia da mudança da estrutura administrativa da capital para o interior chegou até a constar das disposições transitórias  da
QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

QUANTO VALEM A SOBERANIA DO BRASIL E A DA AMAZÔNIA? – Não serão algumas doações em dólares que irão comprar nossa autodeterminação ambiental.

CLARO QUE VAMOS PRESERVARA A AMAZÔNIA E QUE PRECISAMOS DE RECURSOS, MAS, NOSSA DIGNIDADE E SOBERANIA NÃO TEM PREÇO. Isso é
ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

ESPAÇO MUNICIPAL – A PÁGINA DA MINHA TERRA: AMPÉRE, A CIDADE DO EMPREGO

Tem inicio hoje a série “ESPAÇO MUNICIPAL”. Objetivo é mostrar as potencialidades e os fatos marcantes dos municípios de nossa

AS DIFICULDADES NO SERVIÇO PÚBLICO – Prefeito faz relato a empresários sobre a greve.


Esta postagem foi publicada em 7 de junho de 2018 Administração, Notícias, Notícias em Destaques Slide Topo, Política.

AINDA SOBRE A MOBILIZAÇÃO NOS TRANSPORTES. QUAIS OS ESTRAGOS EM LAGES?

Os efeitos na economia ainda virão lá na frente. Agora foi mais os prejuízos com a aqueda na produção e desabastecimento.

O assusto foi tema da reunião da diretoria da ACIL. O refeito de Lages, Antonio Ceron, participou da reunião da Associação Empresarial de Lages, realizada nesta segunda feira, 04/06, na entidade. Na ocasião ele relatou as principais dificuldades enfrentadas pelo poder público durante os dez dias de paralisação dos caminhoneiros, que ocorreu em todo Brasil.

O primeiro impacto do movimento foi que a paralisação acabou ocasionando o desabastecimento e escassez de alguns produtos e serviços essenciais para a população. Essa situação, mais o impasse nas negociações entre o Governo Federal e as lideranças nacionais do movimento, levou o Prefeito de Lages a criar o Comitê de Crise, formado por secretários municipais, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Policia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército, representantes dos supermercadistas, ACIL, CDL, entre outros. O objetivo foi avaliar a situação do município e encontrar soluções para garantir a manutenção dos serviços e o abastecimento dos produtos essenciais.

Na reunião realizada no dia 29/05, foram definidas estratégias para a retomada do abastecimento de produtos essenciais para a população como o gás de cozinha. “Durante o período de paralisação, a Defesa Civil fez mais de 50 viagens para trazer remédios e produtos para curativo, pois tinham passagem tranquila nos bloqueios. O que mais nos preocupava era abastecer a população com alimentos e produtos de primeira necessidade”, explicou.

Para o Prefeito Ceron, as consequências desta paralisação vão começar a aparecer agora. “As consequências vão ser para a economia brasileira, pois o Governo não pode cortar receitas, com isso, irá diluir as concessões feitas aos caminhoneiros em outros impostos e serviços. Vou reunir meu colegiado para preparamos uma estratégia para enfrentar uma queda de receita. É preciso tomar providências, fazer corte de gastos e prevenção”, falou. Ainda segundo ele, “este movimento deverá servir para que, no mínimo pedagogicamente, faça os 122 milhões de eleitores refletirem sobre as eleições de outubro”.


150 Visualizações

Nenhum banner para exibir

Coluna Eron J. Silva



-